de 2015
Manchetes
Rapidinhas
Quanto mais se mexe pior fica
21/03/2015
Acompanhando o caso da corrupção na Petrobras, percebemos que a cada dia surgem fatos novos, com novas pessoas e empresas envolvidas. Agora tem a tal lista do Banco HSBC. Com pelo menos 16 pessoas que doaram dinheiro na campanha eleitoral de 2014, elas aparecem na “Lista dos Brasileiros” que eram correntistas do HSBC na Suíça entre os anos de 2006 e 2007. Juntas, estas pessoas deram R$ 5,8 milhões para políticos de 12 partidos. Essa foi a conclusão do cruzamento entre as pessoas físicas que mais dinheiro doaram às campanhas com os registros do HSBC vazados por um ex-técnico de informática do banco. Consultados, os doadores negaram irregularidades. Dois deles apresentaram provas de que declararam suas contas às autoridades brasileiras. As doações eleitorais foram para candidatos de vários partidos: PSDB, PT, PSDC, PV, PMDB, PSC, DEM, PROS, PTB, PSB, PRB e PP. Receberam dinheiro desse grupo de 16 financiadores relacionados a contas na Suíça as campanhas presidenciais de Aécio Neves (PSDB), Eduardo Campos e Marina Silva (PSB). O comitê de Dilma Rousseff não ganhou recursos diretamente, mas o PT está na lista por meio de diretórios estaduais da legenda. Ao todo, os tucanos foram os que mais receberam do grupo analisado. Aécio, outros candidatos do PSDB e diretórios do partido foram beneficiados como R$ 2,925 milhões. Já o PT e seus candidatos tiveram R$ 1,505 milhão de doações.

Resumindo:
Tanto PT quanto PSDB, principais adversários políticos no cenário nacional, além de PMDB, PP, PSC, PV, DEM, PROS e outros receberam dinheiro para campanha eleitoral. Daí perguntamos: dá pra acreditar em alguém? Como disse um amigo meu: em outras épocas quando um vereador, um prefeito ou raramente um deputado aparecia numa festa em determinada comunidade do interior, era motivo de comemoração para os moradores daquela comunidade, que não sabiam o que fazer para agradar estes políticos. Já nos dias atuais, quando um vereador, um prefeito ou um deputado aparece numa festa no interior, as pessoas fazem de tudo para ficarem longe. Ou seja: diante de tanta roubalheira na política, principalmente no cenário nacional, as pessoas não estão acreditando em mais ninguém, em se tratando de política. Detalhe: com toda a razão! Mesmo que existam as exceções, que existam políticos sérios que se preocupam com as questões da sociedade, estes acabam pagando o “pato” junto àqueles corruptos.

Abraços
Quero mandar um abraço ao meu amigo Silvério Pereira que é barbeiro em Guaraniaçu. Parabenizá-lo pelos 50 anos de profissão. Certamente tamanha façanha é motivo de comemoração, merecendo reconhecimento da nossa sociedade.
Paulo Pandini

Paulo Pandini é representante do Jornal Correio em Guaraniaçu, Diamante do Sul, Ibema e Campo Bonito.

Últimos Posts Rapidinhas
 
Início | Quem Somos | Comercial | Redação | Direção | Sugestões | Trabalhe Conosco | Publicaçôes | Fale Conosco | Política de Privacidade
Jornal Correio do Povo :: Rua Cel. Guilherme de Paula, 880 Fone: (42) 3635-2944 CEP 85.301-220 - Laranjeiras do Sul - PR