de 2014
Manchetes
18/05/2011 :: 09:19 - Compartilhe:
Presos voltaram a estudar
Detentos da 2ª SDP receberam material e vão poder concluir os estudos dentro da prisão
Reportagem: : A- | A+
Os detentos da 2ª Subdivisão Policial agora vão poder concluir os estudos dentro da prisão. Na semana passada, o projeto Leitura Solidária entregou o material didático que será utilizado no primeiro módulo para as aulas de Geografia. No total, 10 matérias serão ofertadas na modalidade à distância.
A certificação será através do Centro Estadual de Educação Básica para Jovens e Adultos (Ceebja). Três presos farão aulas do Ensino Médio, 29 nos anos finais e 14 nos anos iniciais do Ensino Fundamental.
A primeira remessa do material foi doada pelo Jornal Correio. A segunda será bancada pela secretaria de Educação mas são necessários novos parceiros para os oito módulos seguintes.
O ‘Leitura Solidária” é realizado em parceria com a Escola Florindo Pelizzari, Núcleo Regional de Educação, Ceebja e Jornal Correio e terá custo aproximadamente R$ 1 mil em cópias por mês do material destinado às aulas. “Esse projeto é muito satisfatório. Tenho certeza que não é perca de tempo”, destacou a diretora do Jornal, Joice Fabrício.
O secretário de Educação de Laranjeiras do Sul, Nelson Gomes, ressaltou a importância da atividade e agradeceu aos parceiros. “Os presos estão super animados, quero parabenizar o delegado e agora torcer para que tudo dê certo”, destacou. Já o coordenador do Ceebja, Paulo Gawlik, defendeu que a iniciativa vai trazer oportunidades para os detentos. “Ao invés de ficarem com a mente vazia, podem se ocupar e até mesmo concluírem os estudos”, afirmou.
Além da entrega do material didático, alunos do 4º ano da Escola Florindo Pelizzari, supervisionados pela professora Tânia Caleffi, descontraíram a tarde dos presos com muitas músicas. Em seguida o padre Gabriel Guarnier levou mensagens de otimismo e espiritualidade.
A diretora Keli Cristina Pontes, avaliou os resultados obtidos até o momento. “Acreditamos na transformação social e somos muito bem recebidos pelos detentos, porque abraçamos esta causa e graças às parcerias estamos dando continuidade a esta ação”.
O delegado de Laranjeiras do Sul, Adriano Chohfi prometeu dar apoio em tudo que for possível. “Muitos presos estão estudando bastante. Isso mostra que além de punir a gente pode reintegrá-los à sociedade”, destaca.

Comentários

Parabéns aos idealizadores pela iniciativa! "Cabeça vazia é oficina do demônio" já dizia o ditado. Ao contrário do "vovô aviãozinho" citado na outra matéria esses detentos provavelmente conseguirão realmente atingir o objetivo que o sistema propõe: reintegrar ao invés de simplesmente punir como citado pelo Sr. Delegado. A comunidade Laranjeirense precisa conhecer e apoiar este e outros projetos socio-educativos para que possamos ter, no futuro, mais segurança e tranquilidade. :: Fábio Gasperin (18/05/11)

Últimas /Locais:

Projeto deve ser enviado ao IAP até dia 31 de maio

O projeto para solucionar o problema do lixão e da inclusão social dos catadores em Laranjeiras deve ser enviado até dia 31 de maio ao Instituto Ambiental do Paraná (IAP). Depois de sua aprovação, a Prefeitura de Laranje...

Coment(0)
#Hits(454)
MAIS:


 
Início | Quem Somos | Comercial | Redação | Direção | Sugestões | Trabalhe Conosco | Publicaçôes | Fale Conosco | Política de Privacidade
Jornal Correio do Povo :: Rua Cel. Guilherme de Paula, 880 Fone: (42) 3635-2944 CEP 85.301-220 - Laranjeiras do Sul - PR