Política

Cadastramento biométrico atinge 39,58% dos eleitores

Os tribarrenses estão comparecendo desde meados de maio no fórum eleitoral de Catanduvas, para realizar o cadastramento biométrico obrigatório. Até à tarde de ontem (4) apenas de 39% dos eleitores haviam se cadastrado.

De acordo com o prefeito Hélio Bruning, o prazo para regularização está acabando e a administração está cedendo transporte diário e gratuito para os eleitores realizarem a biometria. A adesão está abaixo do esperado.

“Muitas dúvidas ainda atrapalham o andamento deste processo, uma delas é sobre as pessoas com voto facultativo, principalmente aquelas acima de 70 anos, que podem ter os benefícios bloqueados, como aposentadoria por exemplo. Segundo informações do Fórum Eleitoral de Catanduvas, o CPF e o título de eleitor são unificados e, com o cancelamento do título, pode ser automaticamente cancelado o CPF no sistema da Receita Federal”, destacou Bruning.

“Há ainda uma possibilidade de Catanduvas deixar de ser zona eleitoral se não cumprir a meta de recadastramento biométrico, passando então para um município mais distante. Por isso, todos devem fazer a regularização até o prazo estipulado para evitar transtornos”, citou o chefe do executivo.

O que é biometria?

A biometria é uma tecnologia que confere ainda mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. Acoplado à urna eletrônica, o leitor biométrico confirma a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, que são armazenadas no banco de dados da Justiça Eleitoral e transferidas para as urnas eletrônicas.

Veja Também