Esporte

Clube pode perder 15 pontos no Brasileirão e ficar virtualmente rebaixado

Denúncia protocolada no STJD acusa equipe de escalação irregular de atleta

Tapetão à vista na Série B do Campeonato Brasileiro. Segundo denuncia de Paysandu e Sampaio Corrêa, o São Bento, de Sorocaba, teria utilizado o atleta Gabriel Vasconcelos de forma irregular em cinco partidas desta Série B. 

Segundo os protocoladores, o São Bento infringiu o Artigo 8 do Regulamento Específico da Competição, que diz: "Uma vez iniciado o campeonato, cada clube poderá receber até 5 (cinco) atletas transferidos de outros clubes da Série B: de um mesmo clube da Série B, somente poderá receber até 3 (três) atletas". 

Antes de Gabriel Vasconcelos, o Bentão Sorocabano já havia contratado os laterais Tony (Ponte Preta) e Samuel Santos (Figueirense), o zagueiro Douglas Mendes (Paysandu), o volante Abuda (Figueirense), além do atacante Joãozinho (Vila Nova).

Em nota, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) informou que aguarda informações da CBF para decidir se aceita ou não a denúncia. Caso seja punido, o São Bento perderá 15 pontos (três por cada partida disputa por Gabriel Vasconcelos) e cairia da 12ª colocação, para a lanterna do torneio, ficando com 28 pontos. O Paysandu, um dos interessados, subiria para a 17ª colocação e abriria a zona de rebaixamento. O Sampaio Corrêa deixaria a vice lanterna e pularia para a 18ª colocação.