Esporte

Federação se pronuncia sobre paralisação da Série Bronze

Após denuncia contra o Itaipulândia ser acatada pelo TJD-PR, o PYL, de Ponta Grossa, havia pedido que a entidade não realizasse a rodada programada para sábado (2)
(Foto: Juliam Nazaré)

Após o PYL procotolar uma denúncia contra o Itaipulândia, por conta do suposto número excedido de inscrições de atletas, a Série Bronze do Campeonato Paranaense de Futsal voltou a ter seu destino à mercê do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR). O órgão acatou a denúncia do clube de Ponta Grossa e marcou o julgamento do acusado para terça-feira (5).

Com esses desdobramentos, a diretoria do PYL, através de seu presidente, Luiz Fernando, enviou um ofício à Federação Paranaense de Futebol de Salão (FPFS), solicitando que a rodada de amanhã (2), com os confrontos de ida das quartas de final, fosse cancelada.

Contudo, na tarde desta sexta-feira (1º), a entidade decidiu por não paralisar o estadual. De acordo com o superintendente da FPFS, Luiz Henrique Antonievicz, a decisão veio após conversa com seu departamento técnico. Com isso, todos os duelos, inclusive entre Bituruna e Itaipulândia, estão confirmados. Quem avançar de fase, além de chegar à semifinal, garante vaga na Série Prata de 2020.