Economia

IBGE divulga edital do concurso com 400 vagas para todo o país

De acordo com o documento publicado no Diário Oficial da União desta segunda-feira (8), as oportunidades estão distribuídas pelas 26 capitais do país, além do Distrito Federal
Todas as oportunidades do concurso IBGE são para o cargo de analista censitário, que requer nível superior completo (Foto: Reprodução)

Os convocados vão atuar no planejamento, acompanhamento e suporte especializado, relativas ao Censo Demográfico do próximo ano, 2020. Para concorrer ao cargo de analista censitário do concurso IBGE 2019, os candidatos devem ter o nível superior, conforme a área escolhida. Os salários chegam a R$ 4.200,00.

As oportunidades são para Analista de Planejamento e Gestão (1 vaga); Analista de Geoprocessamento (24 vagas); Análise de Sistemas/Desenvolvimento e Aplicações (17 vagas): Análise de Sistemas/Web/mobile (2 vagas); Análise de Sistemas/Suporte a Comunicações e Rede (5 vagas); Análise de Sistemas/Suporte Operacional e de Tecnologia (4 vagas); Análise de Sistemas/suporte à produção (4 vagas); Análise Socioeconômica (36 vagas); Biblioteconomia e Documentação (4 vagas); Ciências Contábeis (30 vagas); Ciências Sociais (12 vagas); Desenho Instrucional (2 vagas); Gestão e Infraestrutura (142 vagas); Jornalismo (35 vagas); Letras (01 vaga); Logística (05 vagas); Métodos Quantitativos (57 vagas); Produção Gráfica/Editorial (2 vagas); Programação Visual/Webdesign (10 vagas); Recursos Humanos (7 vagas). Os contratos devem ser assinados por 12 meses.

O IBGE espera que 24.780 candidatos se inscrevam para as 400 vagas temporárias de analista censitário. O resultado final da seleção está previsto para ser divulgado no dia 26 de setembro, com o início das contratações já no dia seguinte, 27, conforme a portaria autorizativa. Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 08 e 23 de julho de 2019, no endereço eletrônico oficial da banca organizadora do concurso. A taxa de inscrição custa R$64, devendo ser paga até o dia 24 de julho. O concurso do IBGE contará com provas objetivas, que serão aplicadas nas capitais dos 26 estados, além do Distrito Federal. A avaliação está prevista para ser aplicada em 1º de setembro, das 13h às 17h.