Política

Senador Alvaro Dias aparece entre os seis mais citados para a presidência do país

Jair Bolsonaro lidera no cenário sem o ex-presidente Lula, seguido por Marina e Barbosa
O candidato do Podemos aparece com 5,9% de intenção de votos. (Foto: Divulgação/Internet)

A pouco mais de cinco meses do primeiro turno das eleições gerais, o instituto Paraná Pesquisas divulgou um levantamento sobre a disputa presidencial.

No primeiro cenário para o pleito presidencial o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, aparece na liderança com 20,5%, seguido por Marina Silva (REDE) com 12% e Joaquim Barbosa (PSB) com 11%. Ciro Gomes (PDT) vem na sequência com 9,7%, Geraldo Alckmin (PSDB) com 8,1% e Alvaro Dias (Podemos) com 5,9%. O levantamento da Paraná Pesquisas foi feito com 2.002 eleitores e margem estimada de erro de aproximadamente 2%.

Já na simulação com Lula, o cenário muda. O ex-presidente ficaria com 27,6%, acompanhado por Bolsonaro (19,5%), Joaquim Barbosa (9,2%), Marina Silva (7,7%), Geraldo Alckmin (6,9%), Ciro Gomes (5,5%) e Alvaro Dias (5,4%). O resultado indica que Marina Silva e Ciro Gomes sofreriam maiores perdas na eventualidade da participação de Lula.

O instituto também perguntou se os eleitores votariam em um candidato apontado por Lula: 61,2% dos entrevistados disseram que não, enquanto 23,4% votariam. Entre os eleitores de Lula, 62% acompanhariam a indicação. Questionados sobre quem seria este candidato, 15% apontam para Marina Silva, 11,8% para Ciro Gomes e 11,5% para Fernando Haddad.

Ainda questionados sobre a possibilidade de registro da candidatura do ex-presidente, 63,2% acreditam que ele não conseguirá se registrar e 32,7% que sim.

 

REJEIÇÃO

Em uma simulação sobre a rejeição dos candidatos, Jair Bolsonaro lidera no quesito “Com certeza votaria nele(a) para Presidente do Brasil” com 13,6%. Já em “Poderia votar nele(a) para Presidente do Brasil”, quem leva é Marina Silva com 38,9%. Com a soma das duas visões positivas, a candidata Marina Silva tem o melhor desempenho com 45,6% e Bolsonaro 44,7%.

Na pergunta “Não votaria nele(a) de jeito nenhum para Presidente do Brasil”, o líder é Fernando Haddad com 66,1%.

 

GOVERNO TEMER

A pesquisa questionou ainda sobre a avaliação do governo do presidente Michel Temer (MDB). 81,2% desaprovam o governo, enquanto que 15,3% aprovam. 0,6% consideram a administração de Temer ótima, 5,7% boa, 23% regular, 17,2% ruim e 52,8% péssima.

 

METODOLOGIA

O levantamento da Paraná Pesquisas foi realizado entre os dias 27 de abril e 2 de maio de 2018 em todo território nacional. Foram ouvidos 2.002 eleitores e a margem de erro é de 2% para mais ou para menos. A pesquisa abrange um grau de confiança de 95%. O levantamento foi registrado no TSE sob o número BR-02853/2018.

 

Confira a pesquisa na íntegra: