Educação

Sexta livre e Bolsa Total são novidades da Faculdade Guarapuava, em 2019

A instituição de ensino superior oferece nove cursos de graduação e uma delas, a de Arquitetura e Urbanismo, possui nota 5, a máxima, do MEC
A professora de Medicina Veterinária Esther Devantier, diretor de Marketing Marcelo Abdanur e coordenadora do curso de Engenharia Civil, Liliane Ferreira, visitaram o Jornal Correio na tarde de ontem (Foto: Andramara Lemonie)

O diretor de Marketing, Marcelo Abdanur, coordenadora do curso de Engenharia Civil, Liliane Claudino Ferreira e professora do curso de Medicina Veterinária, Esther Devantier, da Faculdade Guarapuava, estiveram no Jornal Correio do Povo, onde falaram sobre a instituição e algumas mudanças que começam a valer com a volta às aulas.s

De acordo com Marcelo, uma das principais novidades neste ano é a sexta livre. “O MEC autorizou que 20% dos cursos sejam em EAD. Por isso optamos por deixar a sexta livre, por questão de respeito aos nossos universitários que vem de outras cidades. Os alunos podem realizar as atividades através da plataforma Moodle, sem precisar ir à faculdade. Porém, caso queiram ir até a instituição, tudo estará funcionando normalmente”, destaca o diretor.

Outras novidades, conforme Marcelo, é a faculdade digital. “Estamos trazendo tecnologia de ponta para a instituição, com mudança de site, biblioteca virtual, além de toda a secretaria estar sendo digitalizada”, conta.

Outra grande novidade é a 'Bolsa Total'. Conforme Marcelo, diferente de algumas instituições que oferecem financiamentos, o programa dá descontos nas mensalidades, podendo ser de 30%, 40% e até 50%.

“Quem vem de escola pública, já tem graduação podem ter 30%. Os novos alunos fazem uma prova. Os melhores avaliados de cada curso ganham a bolsa de 50% ou 40%. Terminando o curso, acabaram as parcelas. É diferente de um financiamento que após concluir a graduação tem que continuar pagando as mensalidades, reforça o diretor de Marketing.

 

Mudança de direção

Neste ano, segundo Marcelo, estão sendo ofertados nove cursos, sendo: Agronomia, Administração, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Contábeis, Direito, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia de Controle e Automação e Medicina Veterinária.

O diretor de Marketing destaca que neste ano tiveram mudança na direção geral da faculdade. “Leonardo de Matos Leão, que fazia parte da mantenedoura, agora assumiu a direção geral. Além disso, houve algumas trocas na coordenação, bem como foi criada a direção de Marketing”, conta.

 

Pioneiros

A Faculdade Guarapuava é pioneira nos cursos de Engenharia Civil e Elétrica, como também em Arquitetura e Urbanismo, na região. De acordo com Liliane, o curso é bem prático, pois conta com laboratórios de ponta. Além disso, os professores trabalham na área. “Dessa forma eles passam conhecimentos que eles realmente vão precisar para serem excelentes profissionais”, enaltece. 

Além disso, a coordenadora salienta que o curso de engenharia civil, iniciado em 2011, é o único da região credenciado pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).

 

Fazenda-escola

A fazenda escola, usado pelos cursos de Medicina Veterinária e Agronomia também é referência, conforme a professora Esther.

Ela explica que os alunos podem trabalhar com rebanhos de equinos, bovinos, ovinos. “Os alunos trabalham com rebanhos e não com um ou dois animais, omo na maioria das universidades”, destaca Esther.

A qualidade no ensino fez com que a instituição saísse de 300 para cerca de 1,5 mil alunos atualmente. A faculdade Guarapuava possui atualmente estudantes de toda a região da Cantu e da cidade-sede.