Economia

Sicoob Credicapital: atendimento humanizado ao cooperado

“Podemos não ser a única instituição financeira de um cooperado, mas trabalhamos para ser a principal. Temos que ser a que ele mais gosta, onde ele se sente bem”, diz o gerente regional, Gizélio Linhares
Na foto, o gerente regional do Sicoob Credicapital, Gizélio Linhares (Foto: Jornal Correio do Povo)

Com uma distribuição de R$ 3milhões de juros ao capital, conforme a cota de cada associado, o Sicoob Credicapital encerrou o ano de 2019 e entrou com o pé direito em 2020.

Uma cooperativa para chamar de minha!

Uma das novidades é a chegada do programa ‘Integrar: uma cooperativa para chamar de minha’. O objetivo desse programa é o de conscientizar a população da importância do cooperado na instituição.

De acordo com o gerente regional do Sicoob Credicapital, Gizélio Linhares, muitos ainda confundem bancos e cooperativas. No Sicoob, a partir do momento em que ele abre uma conta, ele se torna parte da cooperativa, vira dono do negócio.

“Nós queremos encantar, mostrar ao cooperado que ele não está vindo para uma instituição financeira qualquer, ele está vindo para uma instituição financeira cooperativa, e, mais importante, queremos que sinta orgulho de ser dono”, afirmou.

“Um dos diferenciais, por exemplo, é o próprio pagamento de juros ao capital. Outro é que nós procuramos cobrar uma taxa justa, normalmente bem inferior a dos bancos comerciais e, ainda, a sobra que temos nós devolvemos ao dono do negócio, que é o cooperado”, disse.

No Sicoob, o cooperado pode tomar decisões quanto ao futuro dos investimentos. Alguns associados são eleitos como delegados e têm o objetivo de representar os cooperados de cada agência.

Futuro

A ideia para esse novo ano é bater uma meta ousada: crescer 46% em recursos administrados e 25% em novos cooperados. É um aumento considerável e difícil de ser alcançado, porém, Gizélio acredita na capacidade da cooperativa.

O motivo para essa crença é, antes de tudo e mais importante, o tratamento diferenciado do Sicoob com o cooperado. “Estamos convictos de que a nossa equipe é capaz de dar um atendimento humanizado. As pessoas querem isso, não querem ser tratadas apenas como mais um número dentro de uma agência, elas querem atenção, aquilo que atenda a necessidade delas”, explicou.

Outro motivo para manter as expectativas altas é o reaquecimento da economia. Gizélio diz que, em 2019, quando as previsões econômicas no nível nacional não se concretizaram, o trabalho árduo e esse acolhimento aos associados foi um diferencial.

Em 2019, a cooperativa cresceu aproximadamente 50% em recursos administrado e 28% em novos cooperados. Visto isso, a expectativa atual é positiva. “Uma recuperação da economia resulta em novas oportunidades de negócios”, disse.

Bancos digitais são melhores?

Atualmente, as pessoas, principalmente os jovens, tendem a preferir os bancos digitais, pela facilidade para abrir uma conta. O aplicativo do Sicoob, por sua vez, foi avaliado pelo 5º ano consecutivo como o melhor do Brasil.

 “É possível abrir uma conta só pelo aplicativo do Sicoob. Temos tecnologia para que as pessoas façam as coisas do dia a dia, pagamento de contas e outras coisas para que haja praticidade”, falou.

“Agora, volto a dizer: o nosso diferencial não está na tecnologia e sim no atendimento às pessoas. Quando é uma decisão para aplicar economias ou financiar o seu sonho, você precisa ser atendido por uma pessoa, é nesse relacionamento que você consegue negociar taxas e encontrar uma linha adequada”, argumentou.

Expansão

No decorrer do ano passado, o Sicoob Credicapital inaugurou novas agência, uma delas no município de Nova Laranjeiras. Gizélio ressaltou o acolhimento da população, que tem retribuído a confiança que foi depositada na cidade.

Perguntado sobre o futuro da cooperativa, o gerente regional falou do anseio de se expandir do Sicoob Credicapital, para o maior número de cidades possíveis.

 “Vai depender muito de como estará a economia no decorrer do ano e de questões legais. Temos alguns planejamentos já estabelecidos, não posso garantir para o ano de 2020, mas queremos expandir para os municípios da região sempre que possível”, explicou.