Observatório - Victor Rivas
A vida é uma montanha russa

Quando morremos a nossa linha de vida fica em linha reta como se fosse um eletrocardiograma que parou. Quando estamos vivos a nossa linha da vida sobe e desce. Você deve se dar conta como isso fica diretamente conectado com a nossa experiência real da vida. A vida está cheia de altos e baixos, isso significa que está vivo, giros e voltas, amores e perdas, momentos tristes e felizes, sucessos e fracassos. Na vida experimentamos as alturas mais extremas entre picos e cumes, e ao mesmo tempo experimentamos as partes mais baixas, a vida é uma espécie de montanha russa enorme e louca, começa lenta, te enche de expectativas e curiosidades com um pouco de medo. Logo após te eleva e rapidamente te empurra voando pra baixo somente pra subir ligeiro outra vez. Nessa viagem rimos até que dói, choramos um pouco por dentro, passamos por alguns momentos que queremos que pare e esperamos que tudo termine, pero a marcha simplesmente continua, não para.

Mutações do corpo

De alguma maneira pensamos que o sucesso é linear, uma linha ascendente, literalmente não existe nenhuma pesquisa que avalie tudo isso, todas as pessoas tem altos e baixos, teu corpo sofre mutações na maior parte do tempo, cada sete ou quinze anos tudo muda por dentro, os órgãos que trabalham mais duro são aqueles que mudam mais rápido. Você adquire uma pele completamente nova a cada duas a quatro semanas, teus glóbulos vermelhos duram menos de seis meses e o teu fígado se renova ao menos uma vez cada dois anos, ou seja, o Universo está sempre mudando, você também. Porém o nosso pior erro é querer continuar sendo a mesma pessoa, nos conformamos com a segurança da linha de conforto sem perceber de uma linha de vida plana significa que estamos mortos.

Mude a maneira de enxergar as coisas 

Na viagem da vida passamos pela dor e pelo prazer, haverá chuva e sol, haverá perdas e lucros, mas temos de aprender a superar e avançar uma e outra vez. Não julgue o momento, não trates de resistir porque a vida continuará lhe empurrando pra frente. E lembre-se de uma coisa, cada manhã se você está sadio, estará mais feliz que milhões de pessoas que não sobreviverão esta semana. Se há comida em sua geladeira, sapatos em seus pés, roupa em seu corpo, uma cama onde dormir e um teto encima da sua cabeça, você é mais rico que 75% das pessoas no mundo todo. E se você tem um emprego e uma conta bancária, grana em sua carteira ou moedas em um frasco, você está dentro dos 8% das pessoas mais sortudas do mundo. Não podemos evitar os altos e baixos, mas podemos mudar a forma como os vemos. “Quando mudamos a maneira de como enxergamos as coisas, as coisas que enxergamos mudam”.

A minha caneta anotou

A perca física do nosso querido amigo e colunista João Olivir Camargo, não é sou eu que perdi um amigo, Laranjeiras do Sul perdeu uma grande figura da cultura popular. O abraço para todo o pessoal da Glória modas na rua XV de Novembro que sempre prestigiam este espaço. As boas ofertas semanais do supermercado Rede Lar no comando da família Cruchinski. O grande e constante movimento na farmácia do competente Marquinho onde a qualidade é comprovada. As ofertas semanais da Comercial Virmond na liderança na área de materiais de construção e tintas. Os bons produtos da erva mate Becker para chimarrão e tereré.. A última geração em tecnologia com a qual conta o laboratório Modelo da família Pavan para realizar os seus exames de análises clínicas. A simpatia e o bom atendimento do casal Luciano e Vanessa da Microlan informática além dos bons preços. Parabenizo o grupo de funcionários e o proprietário Rodrigo da panificadora fábrica Fornello pelo ótimo atendimento, além dos deliciosos produtos.