Decisão de Fachin sobre Lula

O Brasil acaba sempre sendo vencido pela corrupção e pelos retrocessos cometidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF),instituição que deveria defender

O Brasil acaba sempre sendo vencido pela corrupção e pelos retrocessos cometidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF),instituição que deveria defender a nossa Constituição.

O que dizer da decisão tomada pelo ministro Edson Fachin, e que deixou o país todo em estado de perplexidade. Ele concedeu um habeas corpus à defesa do ex-presidente Lula e anulou todos os processos que corriam contra ele na 13.ª Vara Federal de Curitiba ou que já foram ali julgados, referentes ao triplex do Guarujá, ao sítio de Atibaia e as duas ações relativas ao Instituto Lula. Todos os autos, agora, terão de ser remetidos à primeira instância no Distrito Federal, tudo porque o ministro resolveu ressuscitar argumentos já analisados e rebatidos sobre a competência da 13.ª Vara para julgar as ações contra Lula.

O STF tanto tentou que conseguiu fatiar a Lava Jato, força tarefa que desvendou o maior esquema de corrupção da história do país, em que o petismo organizou uma pilhagem sistemática de empresas estatais (especialmente a Petrobras), em conluio com empreiteiras e outros partidos, para fraudar a democracia brasileira e perpetuar um projeto de poder. No fim de tantos fatiamentos, ficou definido que a 13.ª Vara só teria competência para julgar casos que envolvessem a Petrobras.

Para o ministro, o ex-presidente era apontado na acusação como o chefe da organização criminosa que assaltou o país e, por estar no comando, sua ação não se limitava à Petrobras.

Isso reforça a insegurança jurídica que marca a atuação do STF nos processos do petrolão, com retrocessos sucessivos que consolidam o papel da corte como promotora não de justiça, mas de injustiças totalmente nocivas a um Brasil cansado da corrupção.

O povo brasileiro está cansado de ser feito de palhaço, todos os avanços que conseguimos contra a corrupção são jogados no lixo dia após dia, por Ministros que ganham além de salários altíssimos, regalias que chegam a ser vergonhosas.