Sarampo toma conta do Paraná

O sarampo vem causando grande preocupação para a saúde pública. A doença, que já estava erradicada no Brasil, com certificado

O sarampo vem causando grande preocupação para a saúde pública. A doença, que já estava erradicada no Brasil, com certificado concedido pela Organização Pan Americana de Saúde (OPAS/OMS), em 2016, teve seu certificado retirado neste ano, por conta de um surto da doença em 2018 com mais de 10 mil casos registrados especialmente no Amazonas e em Roraima.

O Brasil tem um modelo considerado exemplar quando o assunto é o calendário de vacinação, mas a oferta de vacinas no SUS não tem sido suficiente para garantir a taxa desejável de cobertura vacinal da população.

Por causa disso, em 2017 o país teve o menor índice de vacinação em crianças menores de um ano em 16 anos. Todas as vacinas recomendadas para adultos estão abaixo da meta de cobertura ideal.[R1]

Ontem, iniciou uma campanha nacional de imunização contra o sarampo. A doença vem se espalhando muito rapidamente, nas últimas semanas, no Paraná.

Conforme o boletim divulgado ontem, são 59 pessoas diagnosticadas com a doença. 20 a mais do que no último boletim divulgado.

Serão duas etapas de imunização, conforme pode ser conferido na página 4, da edição de hoje.

Mas as pessoas precisam se conscientizar da importância de vacinar toda a família. A vacina é o meio mais eficaz e melhor de tudo, gratuito, para evitar qualquer doença. Pense nisso.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail