VENDA DE ÓRGÃOS HUMANOS

A vida humana é sagrada patrimônio que a Divindade oferece ao Espírito durante o seu necessário desenvolvimento. Rumando para angelitude,

A vida humana é sagrada patrimônio que a Divindade oferece ao Espírito durante o seu necessário desenvolvimento. Rumando para angelitude, o período de humanidade já lhe constitui uma conquista de alto porte, abrindo-lhe ensejo para os voos mais audaciosos que lhe permitem a inteligência e o sentimento…

A beleza, a estética e a harmonia procedem do Espírito, que as exterioriza com função de enobrecimento. A sua utilização indevida para atendimento da sensualidade e do mercantilismo doentio gera  profundas dilacerações no invólucro modelador (o perispírito) que padece as descargas mentais exteriorizada para essa insensata finalidade que se deseja alcançar… Não estão inscritos nas Leis da Vida o sofrimento, a amargura, o desespero e todos esses processos de desestruturação da alegria de viver. Eles decorrem dos comportamentos agressivos que o Espírito se permite, desencadeando recursos haveis para a competente reparação. Tratam-se de metodologias reeducativas que são oferecidas para a conquista saudável dos valores elevados.

Cirurgias transformadoras dos órgãos genitais, implantes de substâncias encarregadas de alterar as formas físicas, trabalhando modelagens concordes com os padrões vigentes de elegância e de atração para o banquete exclusivo do prazer e da vaidade, constituem agressão às matrizes perispirituais que passam a sofrer os novos impositivos que se transferirão para o corpo. Os débitos morais não regularizados transformam-se em diferentes meios para a renovação e reparação dos erros cometidos…

Os procedimentos cirúrgicos alcançam na atualidade extraordinário momento de glória, quando se podem transplantar diversos órgãos saudáveis para facultarem o prosseguimento de reencarnações em perigo de encerramento… Vida quase fanadas umas, assinaladas outras por tormentos incomparáveis sob necessidades contínuas de hemodiálise, diversas em estertores angustiantes por processos leucêmicos, muitas sob os camartelos das disfunções cardíacas, queimaduras dolorosas e deformantes, bem como outros transtornos afligentes vêm recebendo, nos transplantes, esperanças de sobrevida e recuperação mesmo que temporária, minorando provações e modificando expiações sob as dádivas do amor de Deus através dos Seus missionários terrestres.

Não obstante, diante de tão grandiosa conquista, o materialismo e a indiferença pelos destinos dos demais seres humanos, vêm transformando o ministério salvador em mercantilismo vil, no qual verdadeiras máfias constituídas por profissionais médicos e outros exploradores da vida, exigem altas somas pelos órgãos que são retirados dos cadáveres sem a permissão dos seus familiares, ou que não foram concedidos pelos seus possuidores antes da morte, favorecendo apenas  aqueles que podem pagar os altíssimos estipêndios em detrimento de outros necessitados que ficam angustiados aguardando a sua vez em listas intermináveis, nem sempre atendidas conforme a ordem de espera.

Mais hediondos, ainda, são as condutas de criminosos desapiedados que sequestram crianças e jovens para o mercado de órgãos, assassinando-os cruelmente, sem qualquer sentimento de humanidade… Dia  virá, porém, não muito distante, em que os governos das Nações estabelecerão uma bioética severa para que sejam conduzidas as conquistas da ciência médica sempre em favor da humanidade, e as leis constituídas façam-se respeitadas sob graves impositivos…

 

Livro: AUTODESCOBRIMENTO UMA BUSCA INTERIOR. Joanna de Ângelis (Espírito) por Divaldo Pereira Franco. Livraria Espírita Alvorada Editora. 16ª ed. Salvador. BA. 2008. Pág. 156.

Manoel Ataídes Pinheiro de Souza. Sociedade Espírita Amor e Conhecimento, Guaraniaçu – PR.

[email protected]

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail