A Igreja é Apostólica

A Igreja é Apostólica porque ensina fielmente aquilo que os Apóstolos aprenderam de Jesus Cristo e deixaram com Ela os

A Igreja é Apostólica porque ensina fielmente aquilo que os Apóstolos aprenderam de Jesus Cristo e deixaram com Ela os seus ensinamentos para as futuras gerações. A Igreja é governada pelos bispos os sucessores legítimos dos Apóstolos.

Assim Jesus Cristo é o Enviado do Pai os Apóstolos são Enviados de Jesus Cristo pois Ele disse: A paz esteja convosco. Como o Pai me enviou também eu vos envio. (J.20.21) Por isso desde o início de seu ministério Jesus Cristo chamou para si os que quis, e dentre eles escolheu Doze para  enviá-los a pregar.  Jesus subiu a montanha e chamou os que ele quis; e foram a ele. Ele constituiu então doze, para que ficassem com ele e para que os enviasse a anunciar a Boa Nova, (Mc 3,13-14). A partir desse momento eles serem os seus “enviados” (é o que significa a palavra grega “apóstolo”). Neles continua a sua própria missão. (Jo 20,21). O ministério dos Apóstolos é, portanto, a continuação da própria missão de Jesus: “Quem vos recebe a mim recebe”, diz ele aos Doze (Mt 10,40). É bem claro, que a Igreja é apostólica porque é fundada sobre os apóstolos:  Os onze discípulos voltaram à Galiléia, à montanha que Jesus lhes tinha indicado.  Quando o viram, prostraram-se; mas alguns tiveram dúvida.  Jesus se aproximou deles e disse: Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra.  Ide, pois, fazer discípulos entre todas as nações, e batizai-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. (Mt.28.16-20) A Igreja foi e continua sendo construída sobre os ensinamentos dos apóstolos, testemunhas escolhidas e enviadas em missão pelo próprio Cristo: Portanto, já não sois estrangeiros nem forasteiros, mas concidadãos dos santos e moradores da casa de Deus; edificados sobre o alicerce dos apóstolos e dos profetas, tendo como pedra angular o próprio Cristo Jesus. (Ef 2,19-20)

A Igreja conserva e transmite, com a ajuda do Espírito Santo os ensinamentos preciosos e salutares palavras ouvidas da boca dos apóstolos; Toma como norma as palavras salutares que de mim ouviste na fé e no amor do Cristo Jesus. Guarda o precioso bem a ti confiado com a ajuda do Espírito Santo que habita em nós.   (2Tm.1.13-14)  Eles eram perseverantes em ouvir o ensinamento dos apóstolos, na comunhão fraterna, na fração do pão e nas orações. (AtAp.2.42) Ela continua a ser ensinada, santificada e dirigida pelos apóstolos até a volta de Cristo, graças aos que a eles sucedem na missão pastoral: o colégio dos bispos, assistido pelos presbíteros, em união com o sucessor de Pedro, pastor supremo da Igreja.

A Igreja vai continuar até o fim do mundo. A morte não vai termina-la pois os Apóstolos tem os seus sucessores, os bispos, que formam o colégio episcopal junto com o sucessor de são Pedro, o papa, para continuar a salvação do mundo. Assim a Igreja reza em sua liturgia: “Pastor eterno, vós não abandonais o rebanho, mas o guardais constantemente pela proteção dos Apóstolos. E assim a Igreja é conduzida pelos mesmos pastores que pusestes à sua frente como representantes de vosso Filho, Jesus Cristo, Senhor nosso”.

A muralha da cidade tinha doze alicerces, e sobre eles estavam escritos os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro. (Ap.21.14)

Obrigado, meu Bom Jesus, pela Igreja Apostólica fundada nos teus ensinamentos transmitidos pelas tuas testemunhas, os Apóstolos. Quero viver e morrer nesta Igreja pois assim vou me encontrar nos Céus contigo e com todos os Apóstolos. Amém.