Siga o líder?

Na dúvida, siga o líder. O presidente do Brasil Jair Messias Bolsonaro, que visitou a Rússia às vésperas da invasão

Na dúvida, siga o líder. O presidente do Brasil Jair Messias Bolsonaro, que visitou a Rússia às vésperas da invasão da Ucrânia e declarou “solidariedade”, aos russos recusou-se a condenar o ataque e avisou que o Brasil é “neutro’’. O Itamaraty faz o que pode para botar o país no lugar certo, mas todo mundo sabe onde Bolsonaro está.

Faz sentido que o Bolsonaro que defende a ditadura e tortura, apoie Putin, um ditador fascista e homofóbico que acredita na lei do mais forte, mata inimigos e massacra populações, como fez na Chechênia e faz agora. E que quer recriar um passado idealizado e glorioso (o Império Russo).

A esquerda brasileira também ficou tonta. A visão geopolítica tradicional de nossa esquerda tem três linhas básicas:

• Contra os Estados Unidos;

• A favor de ditaduras de esquerda;

• Contra ditaduras de direita;

Até o fim da Guerra Fria era fácil conciliar as três linhas,hoje é impossível. Grande parte da esquerda, PT é penduricalhos incluídos, optou pelo antiamericanismo.

o PT condenou a “política de longo prazo dos Estados Unidos de agressão à Rússia e de expansão da Otan’’, mas nenhuma palavra sobre a agressão da Rússia à Ucrânia. O ex-chanceler petista Celso Amorin é “contra as sanções” (mas não contra a Rússia) e “a favor do diálogo” mas não da Ucrânia.

Lula ainda se manifestou: “ninguém pode concordar com ataques militares de um país contra o outro”, não mencionou Rússia nem Ucrânia.

O mundo inteiro está unido em defesa da Ucrânia, mas as principais lideranças brasileiras são incapazes de defender a democracia com firmeza. Ai sim, nos ficamos na vanguarda de atraso.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail