Observatório

  SEM TEMPO PARA NADA Faz quanto tempo que você não senta na varanda da sua casa para olhar o

 

SEM TEMPO PARA NADA

Faz quanto tempo que você não senta na varanda da sua casa para olhar o vazio e tomar um café ou chimarrão sem se preocupar com nada? Você já usou algum tempo para ficar parado para admirar uma árvore centenária? Quanto tempo faz que você não dispensa um dia de serviço para brincar com o seu cachorro ou assistir TV com o seu o filho caçula comendo pipoca com guaraná?

MUNDO MODERNO

Vivemos como sardinhas ou pêssegos em um mundo enlatado que nos isola de quase tudo, a nossa sociedade é tão moderna que perdemos os contatos físicos. No mundo atual é tudo tão rápido, as pessoas podem comprar mercadorias, sentimentos e até atitudes através da net; muitas pessoas deixaram para trás os bons costumes refletidos nos sentimentos autênticos dos amigos verdadeiros que os deixavam tão felizes. Cadê as rodas de chimarrão e o jantar simples na casa do compadre com direito a café passado na hora naquele coador de pano? As crianças gritavam em volta com as suas brincadeiras ingênuas de esconde-esconde ou amarelinha.

MUNDO VIRTUAL

Prioridade agora é ser a mais [email protected] da [email protected] Antigamente ninguém ligava tanto ao visual, atualmente o mundo da moda dita regras, caráter e atitudes foram para o espaço. Ninguém mais quer perder um pouquinho do seu tempo para fazer uma fogueira só para observar e ouvir o crepitar das brasas queimando, os jovens se preocupam com coisas inadiáveis como trocar as fotos de perfil do Instagran e Facebook. Isso sem mencionar que a blusinha é brega e ultrapassada e a cabeleireira já ligou três vezes para pintar os seus cabelos de acaju e retocar a sua escova progressiva.

GERAÇÃO MODERNA

A nova geração esqueceu que as coisas mais simples nos deixam mais realizados, parece que ninguém mais pensa em ser feliz, pois a moda do momento é ficar carrancudo e sair pisando duro chorando pela rua. Vivemos em função da sociedade, nos preocupamos extremamente no que os outros vão falar; somos modernos e queremos acumular bens materiais ao extremo, porém, muitas vezes somos completamente frustrados e infelizes, talvez por isso a depressão transformou-se na doença do século.

A MINHA CANETA ANOTOU

O profissionalismo do radialista da rádio Educadora Henrique Romanini. Os bons e deliciosos produtos da Erva Mate Becker em todas as suas linhas de ervas para chimarrão e tereré saborizados, incluindo o Puro mate com leve sabor adocicado, experimente. Méritos do Walter e da sua esposa Roseli. Os bons preços e as ofertas semanais da Rede Lar de supermercados. Os bons produtos e os preços especiais da Movelar I e II da família Guerra. As boas ofertas da Comercial Virmond em materiais de construção, pisos e acabamentos. O bom atendimento e os bons preços na farmácia do Marquinho onde a qualidade é comprovada. Qualidade total em análises clínicas você encontra no laboratório Modelo da família Pavan em frente ao hospital São Lucas comandado pela Salete e pelo bioquímico Toninho Pavan. O bom atendimento na Microlan informática do Luciano e Vanessa onde têm os melhores artigos para informática.