Coronel goleia o Mariópolis, faz história e chega à Série Ouro

Cinco anos. Esse foi o tempo necessário que o Coronel precisou para chegar à elite do Campeonato Paranaense de Futsal.

Cinco anos. Esse foi o tempo necessário que o Coronel precisou para chegar à elite do Campeonato Paranaense de Futsal. O acesso à Série Ouro veio na noite desta quarta-feira (2), na quadra do Ginásio Barro Preto e em grande estilo.

Após perder a partida de ida da semifinal da Série Prata, fora de casa, para o Mariópolis, por 4×2, o time de Renato Mocelin fez 4×0 no tempo regulamentar. Chico e Vini (duas vezes cada) fizeram os gols que forçaram a prorragação. A partir de então, mesmo tendo a vantagem do empate, os vividenses foram para cima  e aplicaram 4×1. Vico anotou o gol de honra maripolitano. Muskito, Niko, Didi e Tigela balançaram as redes para o Coronel.

Em 2016, quando fundado, o Coronel disputou a Série Bronze. O time seguiu na terceirona até 2018, quando foi campeão. Na Série Prata do ano passado, chegou próximo do acesso, mas ficou em 3º.

O Coronel agora aguarda o vencedor do confronto entre Operário Laranjeiras e São Miguel para conhecer seu adversário na decisão da segundona. A partida de ida ocorre amanhã (3), às 18 horas, em Matelândia, com mando de quadra do Amarelinho. No sábado (5), o duelo será disputado em Laranjeiras do Sul.

Caso o Operário se classifique, a segunda partida da final acontecerá na casa do Rubrão. Caso contrário, o Coronel fará o jogo derradeiro no Barro Preto.