Responsivo

Laranjeirense Marlon Barbosa é vencedor no 32º Festival de Dança de Cascavel

Marlon Barbosa, do studio Black Heart, competiu contra 16 participantes. Além dele, mais três membros da equipe laranjeirense participaram do evento

Neste final de semana, nos dias 20 e 21, aconteceu o 32º Festival de Dança de Cascavel que reuniu competidores de Londrina, Toledo, Maringá e Pato Branco, entre outras cidades.

A competição contou com duas modalidades: All Style e Breaking. Na última, o campeão foi Marlon Barbosa, integrante do studio de danças urbanas Black Heart, de Laranjeiras do Sul.

Trajetória

Marlon entrou para o studio Black Heart com 11 anos, em 2014, por influência do irmão mais velho, Mauricio. “Comecei em uma turma iniciante e fui evoluindo, atualmente estou no grupo avançado”, conta. “Com a companhia passamos por vários festivais de dança, e com a equipe avançada fomos para várias batalhas. Em 2019 fui campeão da Pixain Batlle, em Toledo, me classificando para a final”.

“Meus professores Dionatan e Rubyane foram essenciais para que eu prosseguisse nesse meio artístico, no qual fui bolsista durante sete anos”, relata Marlon. “Eles sempre me apoiaram e me ajudaram a participar desses eventos”.

Competição

“A batalha aconteceu no domingo (21), quando, entre 16 competidores da modalidade eu fui o campeão”, conta Marlon.

Além dele, mais três membros da equipe Black participaram do evento, porém competindo na modalidade All Style. “Um deles foi o meu irmão Mauricio Barbosa, que chegou na semifinal. Os outros foram Abner Jose e Lucas de Lima Feles”.

Dedicação e apoio da equipe

Marlon destaca o desafio que foi competir com dançarinos, entre os próprios residentes de Cascavel. “Eles estavam em casa, como costumamos falar. Porém, são anos de dedicação e foco no que eu almejo, então cheguei com plenitude e certeza do que estava fazendo”, ressalta Marlon.

Ele também ressalta o apoio de toda a equipe Black Heart. “Foram cruciais para que eu pudesse trazer esse título para Laranjeiras do Sul”.

O evento acontece até dia 26 no Teatro Municipal Sefrin Filho e no Centro Cultural Gilberto Mayer, reunindo diversos gêneros de danças. A entrada é gratuita para todos os espetáculos, de acordo com a ordem de chegada, sem distribuição de ingresso.