Perto de Deus - Padre Wieslaw
Os falsos profetas

“Cuidado com os falsos profetas: eles vêm até vós vestidos de ovelha, mas por dentro são lobos ferozes. Pelos seus frutos os conhecereis. Acaso se colhem uvas de espinheiros, ou figos de urtigas?  Assim, toda árvore boa produz frutos bons, e toda árvore má produz frutos maus.  Uma árvore boa não pode dar frutos maus, nem uma árvore má dar frutos bons. Toda árvore que não dá bons frutos é cortada e lançada ao fogo. Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.” (Mt.7.15-20)

Jesus Cristo nos adverte sobre os falsos profetas. Os verdadeiros profetas que a Sagrada Escritura apresenta são as pessoas chamadas por Deus para que em nome dele ensinassem o caminho da salvação.  Essas pessoas não são equipados por Deus em riquezas materiais, só em poderes divinos. Os falsos profetas, ao contrário, se apresentam como as pessoas ricas. O dízimo é colocado no topo da sua religião e dizem que Deus os abençoou e portanto prosperam bem. São seguidores da teologia da prosperidade. Dizem, que quem seguir a religião deles vai ficar bem de vida. Em outras palavras praticam a religião pois ela está dando lucro material, boa vida. Rezam a Deus com esta restrição, que eles vão parar de praticar a religião, se Senhor lhes não dá prosperidade material. Assim Jesus Cristo adverte as pessoas com esta mentalidade: “ Mas, ai de vós, ricos, porque já tendes vossa consolação!  Ai de vós que agora estais fartos, porque passareis fome! Ai de vós que agora estais rindo, porque ficareis de luto e chorareis!  Ai de vós quando todos falarem bem de vós, pois era assim que seus antepassados tratavam os falsos profetas.”  

São Paulo Apostolo lamenta sobre aqueles que só querem a vida boa neste mundo material. “Se é só para esta vida que pusemos a nossa esperança em Cristo, somos, dentre todos os homens, os mais dignos de compaixão.” (1Cor.15.19)

 Nestas crenças para os mártires não tem lugar, a cruz é desconhecida. A frase dos evangelhos que fala da cruz é ignorada:  “Jesus disse aos discípulos: “Se alguém quer vir após mim, renuncie a si mesmo, tome sua cruz e siga-me. Pois quem quiser salvar sua vida a perderá; e quem perder sua vida por causa de mim a encontrará.  De fato, que adianta a alguém ganhar o mundo inteiro, se perde a própria vida? Ou que poderá alguém dar em troca da própria vida? “ (Mt.16.24-26)

A religião de Jesus Cristo é religião da salvação eterna e não para enriquecer-se materialmente. Jesus Cristo ensina como  ganhar  a Vida Eterna no Céu. A pessoa tem que enfrentar várias dificuldades e tentações do mal.  Jesus Cristo avisa: “Se alguém quer vir após mim, renuncie a si mesmo, tome sua cruz, cada dia, e siga-me.” (Lc.9.23)

Óh! Bom Jesus, me ajude, para que os falsos profetas não me iludam com a sua prosperidade. Ajude, que eu não tenha medo de carregar a cruz da tua religião custe que custar, pois assim chegarei contigo ao Reino Celeste para viver na alegria contigo, com o Pai Celeste, com o Espírito Santo, com Maria Mãe Santíssima e com todos os anjos e santos. E finalmente encontrarei na grande felicidade com os meus queridos pais, parentes e amigos, e com  todos por quais rezo. Amém.