Responsivo

Ampliação da Orla de Matinhos vai custar R$ 314,9 milhões

Tubos estão sendo transferidos para a praia de Caiobá, que já foi finalizada o alargamento da praia em uma extensão de 1800 metros para o Balneário Matinhos

Moradores e visitantes de matinhos, litoral do Paraná, desde o começo da semana se deparam com grandes tubos de aço e movimentações de 4,4 km, utilizados para a drenagem da areia, resultando no alargamento da faixa em até 100 metros.

Os tubos estão sendo transferidos de navio para a praia de Caiobá, que já teve a finalização do alargamento da praia em uma extensão de 1800 metros para balneários matinhos. As tubulações em terras já foram feitas as movimentações por água foi iniciada ontem (25), com as transferências das tubulações soldadas medindo 2,6 km.

Outras movimentações ocorreram em maio deste ano, quando os tubos foram deslocados dos balneários no sentido da praia de Caiobá. Portanto, trechos da praia devem ser bloqueados para acesso público, a fim de garantir a segurança de moradores e visitantes.

Os tubos estão agora nos balneários esperando pela chegada do navio Galileo Galilei para dar início ao processo de engorda da faixa de areia do Pico do Matinhos até o Balneário Flórida. São 4,5 km de engordamento, totalizando 6,3 km de praia alargada em todo o litoral paranaense.

A previsão é que o navio se desloque ao Paraná até o final deste mês, ele se encontra no estado do Rio de Janeiro, onde faz manutenção para retornar ao litoral paranaense. A previsão é que os trabalhos de engordamento da faixa de areia no litoral seja finalizado no mês de novembro deste ano.

Nas obras da Orla de Matinhos, serão investidos R$ 314,9 milhões, que devem ser executadas até o segundo semestre de 2024. O objetivo do Governo do Estado é de minimizar os impactos gerados pela combinação de desequilíbrio de sedimentos, ocupações mal planejadas e ressacas no litoral, que comprometeram boa parte da infraestrutura urbana, turística e de lazer na região.