O QUE É FÉ?

Após o culto de domingo, a família se reúne para jantar. Naquela noite o pastor pregou um belo sermão sobre

Após o culto de domingo, a família se reúne para jantar. Naquela noite o pastor pregou um belo sermão sobre a fé, apresentando o conceito teológico, importância e exemplos bíblicos de fé. Mas a filhinha do casal que acompanhou atentamente o sermão não conseguiu entender e então perguntou:

  • Pai, o que é fé?

O pai com  o sermão ainda fresco na memória começou a pregar para sua filhinha:

  • Minha linda – disse ele – a fé é firme fundamento das coisas que se esperam… porque sem fé é impossível agradar a Deus… porque é necessário que aqueles que buscam a Deus creiam que ele existe…

Mas em certa altura da re-pregação sobre fé a menina interrompeu:

  • Pai, eu escutei tudo o que o pastor falou e o senhor só está repetindo, eu quero saber de uma forma que eu entenda.

Então o pai ficou incomodado por não conseguir ensinar algo tão fundamental e vital para vida cristã e o relacionamento com Deus. Foi dormir com aquela inquietação e no dia seguinte ainda buscava uma maneira de explicar para sua filha o que é fé, ele orava a Deus pedindo uma iluminação.

Foi no finalzinho da tarde quando ele teve a ideia. Nos fundos da casa eles tinham um quintal grande e lá no final um poço desativado. Então ele tirou a tampa e colocou uma escada para descer. Antes, porém, chamou a esposa e disse:

  • Amor, vou me esconder nos fundos do quintal, peça para nossa filha me encontrar.

A menina logo apareceu na porta dos fundo e chamou:

  • Papai, onde o senhor está?
  • Estou aqui filhinha! segue a minha voz.

Eles foram se comunicando desta maneira até que ela chegou na beira do poço e perguntou:

  • O Senhor está aí embaixo, papai?
  • Sim.
  • Mas eu não consigo te ver daqui de cima.
  • Mas eu estou te vendo minha filha, e quero te pedir uma coisa.
  • O que o senhor quer, papai?
  • Eu quero que você se jogue para dentro do poço. Fica tranquila, eu vou te segurar.
  • Mas eu não lhe vejo – hesitou ela.
  • Mas eu estou te vendo, é só confiar no Papai.

Estava quase escurecendo, por isso o poço estava escuro, mas lá fora ainda havia um pouco de luz. Então a menina se preparou e após o grito de “lá vou euuuuuu” foi aparada seguramente nos braços de seu pai. Então o pai ainda a abraçando disse nos seus ouvidos:

  • Filhinha, isso que você fez é fé.

A menina desta história conhecia a voz do seu pai e confiava plenamente nele. Por isso, foi guiada até seu pai e mesmo diante do desafio confiou. Na minha opinião esta história é uma belo exemplo de fé.

O apóstolo paulo escreveu para o jovem obreiro Timóteo as seguintes palavras:

“pela recordação que guardo de tua fé sem fingimento, a mesma que, primeiramente, habitou em tua avó Loide e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também, em ti”. (2 Timóteo 1.5)

Veja, essa fé sem fingimento foi transmitida de geração em geração. Que nós possamos também viver desta maneira e transmitir este importantíssimo legado para nossa família. Afinal, “sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11.6).

Deus te abençoe!

Pr José Simplício