Fiscalização mostra efeito

As ações do Batalhão de Polícia Rodoviária durante a Operação 1° de Maio reduziram em 13,7% os acidentes nos cerca

As ações do Batalhão de Polícia Rodoviária durante a Operação 1° de Maio reduziram em 13,7% os acidentes nos cerca de 12 mil quilômetros de rodovias estaduais do Paraná. Esse valor se refere a comparação com o mesmo período de 2016. Já o número de mortes aumentou.

Durante o feriado, foram registrados 94 acidentes, com 11 mortes e 90 feridos. No mesmo período do ano passado foram registrados 109 acidentes, com sete óbitos e 95 feridos.

Das 1740 autuações, apenas sete foram por dirigir sob influência de álcool e dois por embriaguez ao volante, ou seja, apenas 0,52% foram por beber e pegar a estrada.

Os números mostram que além do trabalho intensificado que a polícia vem fazendo, os motoristas estão mais cientes dos perigos que uma rodovia oferece, principalmente se consumir bebida alcoólica e em seguida pegar a direção.
O excesso de velocidade por parte de alguns condutores e também a passagem ou ultrapassagem em locais não adequados, colocaram em risco a vida do motorista e também de terceiros, disse o comandante do BPRv, tenente-coronel Antônio Zanatta Neto.

Segundo ele, a polícia atuou de forma muito firme com a utilização de radares e etilômetros, trazendo uma consciência para aqueles motoristas que por vezes achavam que não seriam fiscalizados.
Nas rodovias que ligam a região litorânea do Paraná, o BPRv registrou cinco acidentes, com sete feridos. Foram feitos oito testes etilométricos, 742 imagens de radar e 85 autuações.
As ações de fiscalizações e orientações, continuaram por parte da polícia, intensificando ainda mais neste mês de Maio, quando são mundialmente realizadas campanhas de prevenção e de educação no trânsito, visando a preservação da vida.