Demônio

Jesus foi conduzido ao deserto pelo Espírito, para ser posto à prova pelo diabo. Ele jejuou durante quarenta dias e

Jesus foi conduzido ao deserto pelo Espírito, para ser posto à prova pelo diabo. Ele jejuou durante quarenta dias e quarenta noites. Depois, teve fome. O tentador aproximou-se e disse- lhe: Se és Filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães! Ele respondeu: Está escrito: ‘Não se vive somente de pão, mas de toda palavra que sai da boca de Deus’. Então, o diabo o levou à Cidade Santa, colocou-o no ponto mais alto do templo e disse-lhe: Se és Filho de Deus, joga-te daqui abaixo! Pois está escrito: ‘Ele dará ordens a seus anjos a teu respeito, e eles te carregarão nas mãos, para que não tropeces em alguma pedra’. Jesus lhe respondeu : Também está escrito: ‘Não porás à prova o Senhor teu Deus’! O diabo o levou ainda para uma montanha muito alta. Mostrou-lhe todos os reinos do mundo e sua riqueza, e lhe disse: Eu te darei tudo isso, se caíres de joelhos para me adorar. Jesus lhe disse: Vai embora, Satanás, pois está escrito: ‘Adorarás o Senhor, teu Deus, e só a ele prestarás culto’. Por fim, o diabo o deixou, e os anjos se aproximaram para servi-lo. Mt.4.1-11

Vamos tirar algumas conclusões destas tentações que o demônio investiu contra Jesus Cristo.

É bom conhecer a sua tática de tentação, pois ele sempre nos ataca do mesmo jeito. Assim teremos a facilidade para resistir as suas tentações. Ele usa as pessoas que aparecem como pessoas bonzinhas, mas na verdade vivem em pecado grave. Pois o demônio tem acesso só a estas pessoas.

1.Na primeira tentação de Jesus o demônio se mostra como grande amigo preocupado com Jesus Cristo faminto. Jesus Cristo poderia ter feito o milagre de transformar pedra em pão. Não cometeria pecado. Mas este milagre aproximaria o demônio de Jesus Cristo, tornaria Jesus Cristo o seu companheiro. Um companheiro é mais fácil de seduzir e com tempo levá-lo ao pecado. Por isso Jesus Cristo rejeitou a proposta. Com o demônio não se faz amizade.

2.Na segunda tentação o demônio se apresenta como uma pessoa piedosa, conhecedor da Bíblia. No contato com ele todas pessoas podem dizer que ele é gente boa pois é religioso, conhece a Bíblia.

O demônio se esforça muito para ser nosso amigo e nós dominar e levar ao pecado. Jesus Cristo não aceitou em nenhum momento a amizade com o demônio. Temos que fugir das pessoas ruins que querem fazer amizade conosco. Elas vão nos levar ao pecado.

3.Terceira tentação é o ataque direto para puxar a pessoa ao pecado. As iscas para isso são os bens materiais. Cuidado com religiões que prometem prosperidade. O demônio quer que nos troquemos Jesus Cristo por ídolo, isto é, pelos bens materiais, dinheiro, poder, sexo, bebida, etc.

Ao demônio sempre se diz :NÃO!

Oh! Bom Jesus! Tenho medo do demônio. Me ajude a fugir de qualquer pecado, para não perder a tua companhia. Pois só contigo sou seguro na caminhada para o Céu. Amém.