Observatório

QUANDO PERDEMOS ALGO Hoje estive pensando no péssimo costume que temos os seres humanos, de valorizar algo somente em sua

QUANDO PERDEMOS ALGO

Hoje estive pensando no péssimo costume que temos os seres humanos, de valorizar algo somente em sua ausência. Valorizamos o dinheiro quando nos falta. Valorizamos o tempo quando estamos morrendo. Valorizamos a família quando a perdemos. Valorizamos o frio quando faz calor, e desejamos que faça calor quando faz muito frio. Somente quando recebemos um forte golpe queremos deixar de lado o trabalho e viver a vida com os entes queridos.

VIVEMOS DO PASSADO

Vivemos de lembranças do passado ou projetando um futuro que nem sabemos se chegaremos lá, enquanto sofremos no presente como se nos encontrássemos numa prisão sem saída. Queixamo-nos de nossos filhos pequenos, mas após que crescem desejamos com toda a alma que voltem a serem crianças. Vivemos discutindo com nossos pais por motivos banais e logo quando morrem desejamos com todo nosso ser poder retroceder o tempo para dar-lhes pelo menos mais um abraço.

NUNCA PERCEBEMOS O QUE TEMOS 

Queixamo-nos de tudo que nos faz falta e nos esquecemos de desfrutar de tudo aquilo que temos em abundância. O ontem já passou e o futuro é muito incerto, somente resta para nós viver aqui e agora semeando o melhor de nós, confiando que vamos colher o melhor depois. Por que esperar para dizer um te amo, por que não lutar hoje pelo que tanto almejamos e desejamos ? Por que guardar abraços e sorrisos? Por que não pedir perdão?

O TEMPO UM DIA TERMINA

Nunca acreditamos que pode acabar o tempo de nós, até que de repente se acaba. Nunca acreditamos que podemos perder algo até que o perdemos. Nunca acreditamos que vamos morrer até que percebemos que estamos morrendo. Por que não desfrutar do sol quando está brilhando? Por que não deixar que a chuva nos molhe quando está chovendo? Por que não rir quando estamos felizes e chorar quando sofremos, pois sofrer também faz parte da vida? Não esperes perceber que estás morrendo para começar a viver, a vida é somente isso, o aqui e agora. Tudo o resto é somente uma ilusão.

PENSAMENTO DO DIA

Se você cortou alguém da sua vida é bem provável que ele lhe deu a tesoura.

A MINHA CANETA ANOTOU

O bom atendimento do Ildo e da Fátima Guerra -Movelar I e II representante da Rede Tok Lar na região-. O abraço ao amigo Elias Presa e ao amigos João Pio e Cleide Andreetta que prestigiam esta coluna. Os preços imbatíveis na farmácia do Marquinho onde a qualidade é comprovada e o atendimento é de primeira. A simpatia e o bom atendimento da Dona Olinda do supermercado Rede Lar. As boas ofertas em materiais de construção da Comercial Virmond. Parabéns à família Pavan do laboratório Modelo pelo ótimo investimento de deixar tudo moderno para melhor atender os seus clientes. Méritos da Salete e do bioquímico responsável Toninho Pavan. A Microlan informática do Luciano Polônio e da Vanessa é o endereço certo para você encontrar tudo o que precisa para o seu computador. Os bons produtos da erva mate Becker. Tudo para o seu tereré e chimarrão. Abraços para todo o pessoal do supermercado Marechal no comando da Lenir e do Edson que sempre prestigiam este espaço.