Laranjeirenses desabafam a dor de perder entes queridos para o Corona vírus

Não poder se despedir, sentir a casa vazia e ver o desespero de dentro da UTI são traumas que essas pessoas carregarão para sempre.

A Prefeitura de Laranjeiras do Sul publicou nesta tarde (24) um vídeo intitulado “Não são só números, são pessoas, são famílias!”, na qual pessoas que perderam parentes próximos para a Covid-19 lamentam a dor que estão sentindo e suplicam para que a comunidade tenha consciência da realidade cruel dessa pandemia. “Você vai ter o resto da vida pra confraternizar e comemorar, mas esse momento que estamos vivendo pede muita seriedade” relatou Luiz Marquardt, cujo a mãe faleceu recentemente.
Ainda no mesmo sentido de clamor, a Fabiola Nogueira, que perdeu o pai, ressalta sobre a necessidade de cuidar um do outro neste momento: “Para que essa doença não chegue a acontecer na sua casa como aconteceu na minha e de outras pessoas, porque depois que a doença leva, não tem mais o que fazer.”
Eles explicam o quão violento passar por tudo isso é para o psicológico, assim como ressaltou Halisson Galvan, que também perdeu a mãe: “Ela foi internada na UTI e a única comunicação que você tem é com a médica, que te liga uma vez por dia para falar do quadro clínico. Você perde a chance de falar com a pessoa que ama, não tem nem chance de dizer o que queria dizer. É muito triste.”
Além disso, um paciente que chegou a ir até a UTI e sobreviveu, fala sobre o pavor lá dentro: “[…] E quando estava na UTI, eu não conseguia nem andar. Lá a gente fica preocupado porque é muita gente passando mal mesmo, gente entubada, pessoas morrendo. E o que vinha na minha cabeça é que eu também não ia conseguir.”


Assista o vídeo completo: