Responsivo

UFFS LS: Curso de Ciências Biológicas conquista nota máxima do MEC

Ao avaliar os critérios, o curso recebeu a nota cinco. O coordenador, Ricardo Yamazaki, enfatiza que essa conquista é reflexo da excelência no ensino, pesquisa e extensão

O curso de Ciências Biológicas da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), campus de Laranjeiras do Sul, recebeu a nota máxima em uma avaliação realizada pelo Ministério da Educação (MEC). O processo de reconhecimento do curso envolveu uma inspeção virtual “in loco” que ocorreu entre os 16 e 18 de agosto.

Durante essa visita, a comissão de avaliação do MEC teve a oportunidade de conhecer as instalações do campus, além de realizar encontros com estudantes, professores, o Núcleo Docente Estruturante (NDE), o Colegiado do curso e os dirigentes do campus.

Parâmetros

A avaliação do MEC se baseia em três dimensões fundamentais: organização didático-pedagógica, corpo docente e tutorial, e infraestrutura. Cada uma dessas dimensões recebe uma nota que varia de um a cinco, e para obter a aprovação, é necessário alcançar, no mínimo, o conceito três. No caso do curso de Ciências Biológicas, as notas atribuídas foram as seguintes: dimensão 1 (organização didático-pedagógica): 4,83; dimensão 2 (corpo docente e tutorial): 4,78; dimensão 3 (infraestrutura): 5,00. Com essa avaliação, o curso obteve um conceito final de 5.

O professor e coordenador do curso, Ricardo Key Yamazaki, expressou seu entusiasmo com a conquista. “A nota 5, emitida pela comissão avaliadora do MEC, é um reflexo da qualidade do ensino, pesquisa e extensão da Universidade Federal da Fronteira Sul. Nossos laboratórios são bem equipados e organizados, a equipe de técnicos administrativos dá todo o apoio para as mais variadas atividades desenvolvidas na Universidade e o corpo docente do nosso Campus é altamente qualificado, sendo a maioria composta por professores doutores. Gostaria, por fim, de lembrar que nossa Universidade é pública, gratuita e sempre aberta a todos aqueles que buscam conhecimento científico e uma formação profissional de qualidade.”

Qualidade de ensino

Para o aluno recém-formado do curso, Michel Pegoraro, essa avaliação é motivo de grande satisfação. “Isso demonstra claramente a qualidade dos cursos de ensino superior oferecidos pela UFFS, em particular o curso de Ciências Biológicas, que obteve a nota máxima do Ministério da Educação. De certo modo, essa avaliação não nos surpreende, considerando o corpo docente altamente qualificado da universidade. Isso resulta em um ensino de alto nível e altamente eficaz.”

Michel também destaca a importância dos laboratórios de ponta disponíveis aos estudantes, bem como a abordagem pedagógica do curso que enriquece ainda mais a formação dos alunos. “Outro ponto a ser destacado são os projetos de extensão que participamos, como o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid) e a residência pedagógica. Esses projetos proporcionam uma ligação próxima com as escolas parceiras, permitindo que tenhamos uma experiência prática relevante para nossa futura carreira