Responsivo

Neimar Granoski é o novo presidente da Assiscop

O prefeito de Virmond comandará a associação até o final deste ano. A troca de cargo foi motivada pela legislação eleitoral, já que o antigo presidente, Junior Bolzon é pré-candidato à reeleição em Marquinho

Na última quinta-feira (28), a presidência da Associação Intermunicipal de Saúde do Centro Oeste do Paraná (Assiscop), foi alterada. O prefeito de Marquinho, Elio Bolzon Junior, Juninho (Pode), deixou o cargo e agora, o atual prefeito de Virmond, Neimar Granoski (PSD), assumiu o cargo.

Associação
A Assiscop é um consórcio público que oferece consultas, exames e procedimentos especializados em seis municípios da 5ª Regional de Saúde. Seu objetivo principal é melhorar os serviços de saúde para a população. Esta colaboração intermunicipal visa realizar procedimentos de média e alta complexidade, ampliando a qualidade e o acesso aos cuidados de saúde. A iniciativa beneficia especialmente os municípios menores, complementando os serviços de saúde locais e permitindo uma gestão mais eficiente dos recursos, incluindo equipamentos, pessoal e transporte em saúde.

Transição de poder
A troca na presidência foi motivada pela Legislação Eleitoral em vigência, que impõe restrições à ocupação de cargos executivos por parte de candidatos durante o período eleitoral. Como consequência, o prefeito Juninho, que anteriormente liderava a associação, conduziu sua última reunião nesta posição. “Agradeço à equipe que acompanhou a minha gestão. Fico à disposição para contribuir e fortalecer cada vez mais a Assiscop. Gratidão aos colegas prefeitos, secretários municipais e à população por confiarem em meu trabalho”.

Compromisso e continuidade
Ao assumir a presidência da Assiscop, o prefeito Granoski enfatizou seu compromisso. “O dever daqui pra frente é manter e comandar essa tão importante associação que tem como objetivo cuidar da saúde da população desses municípios que fazem parte. Agradeço a todos pela confiança em meu trabalho e me comprometo em dar o meu melhor em exercer esse tão importante cargo”.