Poucas & Boas

Investimento Laranjeiras do Sul pode receber nos próximos meses um  hiper atacado. O empreendimento deve reunir em torno de 40

Investimento

Laranjeiras do Sul pode receber nos próximos meses um  hiper atacado. O empreendimento deve reunir em torno de 40 empresários da região que poderão se estabelecer na boa terra, atraídos pela posição geográfica da cidade e da BR 277. Segundo me confidenciou um empresário, caso se concretize, o empreendimento deve gerar centenas de empregos diretos.

 

Baixas

Em recente reunião de trabalho, o prefeito Berto Silva comunicou que dois secretários estariam pedindo afastamento do governo. O secretário de Comunicação Luiz Roberto e o da Fazenda, Neimar Hulse. As duas baixas se somarão à do secretário de Governo, Everson Mesquita, que já deixou o cargo. O que está pegando é o salário, de pouco mais de R$ 5 mil, que deixou de ser um atrativo.

 

Enfim, vitórias!

Já que escrevemos aqui os tropeços, temos que destacar agora as conquistas da AEL. O time dirigido pelo vereador Alex Schroeder, fez bonito fora de casa e venceu duas partidas seguidas, no Campeonato Paranaense de futsal Chave Bronze jogando na casa do adversário. Venceu o então líder, Nova Santa Rosa, por 4 a 2 e Itaipulândia por 2 a 0. E agora navega na zona de classificação. Parabéns!

 

Estão providenciando

Um dia desses escrevi sobre a falta de placas informativas nas ruas de Laranjeiras do Sul. E foi com satisfação, que recebi  informação, que ruas do bairro Cristo Rei, estão recebendo as placas. Os responsáveis garantem que a iniciativa vai beneficiar todos os bairros e o centro da cidade. 

 

Ainda não

O Comitê de Direitos Humanos da ONU rejeitou o pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que seja solto no Brasil, como parte de medidas cautelares solicitadas por seus advogados. O caso nas Nações Unidas, porém, não está encerrado e uma avaliação completa de sua situação continua sendo estudada.

 

Sem meias palavras

Em palestra na Associação Comercial do Rio nesta segunda-feira, 21, o deputado Jair Bolsonaro, pré-candidato do PSL à Presidência, foi aplaudido por cerca de 300 empresários quando incentivou atos violentos contra integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST). A propriedade privada é sagrada. Temos que tipificar como terroristas as ações desses marginais. Invadiu? É chumbo!, bradou o capitão.