Fabinho Gomes deixa o Dois Vizinhos e assume o Marreco

Por Juliam Nazaré Após três anos, 130 jogos e o título de campeão brasileiro, Fabinho Gomes deixou o comando do

Por Juliam Nazaré

Após três anos, 130 jogos e o título de campeão brasileiro, Fabinho Gomes deixou o comando do Dois Vizinhos Futsal. O técnico pediu a rescisão de contrato com o Galo e assume o Marreco. O clube de Francisco Beltrão, por sua vez, dispensou Serginho Schiochet.

A trajetória no Galo

Fabinho assumiu o Dois Vizinhos em 2018. Naquele ano, conquistou o vice-campeonato da Série Prata e o acesso à elite. Em 2019, chegou à decisão do estadual, mas perdeu o título para o Foz Cataratas. No passado, levou o Galo à glória nacional com a conquista da Copa do Brasil.

Na Série Ouro de 2021, o Dois Vizinhos é o 4º colocado, com 10 pontos conquistados em quatro jogos computados. No sábado (8), o time recebe, no Teodorico Guimarães, o Operário Laranjeiras.

No perfil do Facebook, Fabinho agradeceu ao Dois Vizinhos Futsal: “Com muita gratidão, hoje encerro meu ciclo como treinador do Galo Futsal! Foram 3 anos e meio de muito trabalho, exatos 130 jogos de muita entrega e dedicação. Agradeço imensamente a diretoria que se fez e faz parte, desde o ano de 2018 até hoje. Aos atletas q por aqui passaram e os q estão atualmente. Meu agradecimento também a toda torcida, a todos os amigos e amigas que fiz na cidade de Dois Vizinhos. Ao respeito e admiração q tiveram para com a minha pessoa nesses anos que estive aqui. Saibam que jamais esquecerei desta cidade q tanto me acolheu. OBRIGADO DOIS VIZINHOS, OBRIGADO GALO FUTSAL! Em breve, anunciarei minha nova equipe!”

A empreitada em Beltrão

Ao desembarcar em Beltrão, Fabinho assume a missão de fazer o Marreco reagir na temporada, na qual ainda não venceu. Em quatro jogos no estadual, perdeu três e empatou uma. Na Liga Nacional, perdeu as duas partidas em que disputou, incluindo o 7×1 para o Joinville.

Esta será a terceira passagem do treinador pelo Marreco. As outras duas ocorreram em 2013 e em 2016.