Nesta terça-feira a vacinação em Laranjeiras será para idosos de 71 e 70 anos

A secretaria de Saúde abriu a vacinação para idosos a partir de 68 anos para receber a primeira dose da

A secretaria de Saúde abriu a vacinação para idosos a partir de 68 anos para receber a primeira dose da vacina contra à Covid-19. Hoje, a partir das 8 horas às 11h30, a imunização será para os idosos com 71 anos completos. Já das 13 horas às 16h30, serão atendidos idosos com 70 anos completos.

Na quarta-feira (31) pela manhã das 8 horas às 11h30, vacinação para idosos com 69 anos e das 13 horas às 16h30 para idosos com 68 anos de idade completos. A imunização vai acontecer em três locais: no Lago UM, somente a segunda dose para profissionais da saúde e idosos acima de 80 anos. No Centro de Eventos Ângelo Manoel da Cunha, no formato de drive-thru. Já na Praça José Nogueira do Amaral, acontece a vacinação no formato de filas.

A Secretaria dispõe de doses suficientes para vacinar as quatro faixas etárias. É necessário apresentar, no ato, documentos pessoais (RG/CPF), comprovante de residência atualizado e carteira de vacina, se tiver.

O boletim da Secretaria municipal de Saúde de Laranjeiras do Sul confirmou mais um óbito neste domingo (28) no município em decorrência da Covid-19. Agora, Laranjeiras do Sul totaliza mais 1.843 casos confirmados. Já os óbitos passam de 23 para 24.

No sábado (27) tratou-se de uma paciente do sexo feminino 38 anos de idade. Anteriormente, a mesma tratou de um câncer em outro município, contraiu a doença e infelizmente veio a óbito na tarde deste sábado.

No domingo, o paciente é do sexo masculino, 74 anos, que estava internado na enfermaria desde o dia 19 de março e infelizmente acabou falecendo no início da tarde. Tinha como comorbidade, hipertensão.

Na semana passada a câmara municipal aprovou projeto de lei que autoriza a administração do município a realizar pagamento na modalidade “Escrow Account”, visando garantir a compra de imunizantes contra o coronavírus.

O presidente da Câmara, vereador Carlos Alberto Machado-Magrão explicou que o projeto sobre as vacinas garante à prefeitura a autorização para utilizar um novo modelo de pagamento, representado como uma conta-caução. Assim, a liquidação para aquisição das vacinas contra o coronavírus poderá realizada em dinheiro, em conta específica de forma antecipada.

O novo modelo foi aprovado poderá ser admitido em situações excepcionais, a exemplo da pandemia, para tanto é necessário a aprovação de projeto específico em nível municipal.