Foz do Iguaçu recebe maior evento ecológico do mundo

Mundo

É a primeira vez que o Brasil sedia esse Congresso

  • Compartilhe Essa Notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
RSN
RSN

Mais de 1.000 participantes de 60 países diferentes tornarão Foz do Iguaçu a capital mundial da Ecologia entre os dias 27 de agosto e 1º de setembro, quando pela primeira vez o Brasil sediará a 7ª Conferência Mundial sobre Restauração Ecológica - o processo de ajuda à recuperação de um ecossistema degradado, danificado ou destruído. Este evento bienal é o maior encontro mundial de cientistas, profissionais dos setores público e privado, ONGs, decisores políticos e estudantes que trabalham no campo da restauração.

A plenária de abertura acontece entre 10h30 e 12h desta segunda (28) de agosto, no salão Sonata do Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, com participação de Cristina Pa?ca Palmer, secretária executiva da Convenção da ONU sobre Biodiversidade; Joaquim Levy, ex-ministro da Economia e agora diretor financeiro do Banco Mundial; Stephen Rumsey, presidente da Permian Global e Rosa Lemos de Sá, diretora executiva do Funbio.

Em todo o mundo, mais de dois bilhões de hectares de terra degradada oferecem oportunidades de restauração - uma extensão maior que a América do Sul. Grande parte está em áreas tropicais e temperadas. Na América Latina e no Caribe, os governos e as partes comprometeram-se a restaurar 20 milhões de hectares como parte da Iniciativa 20x20, que é um sub-compromisso no âmbito do Desafio de Bonn, que pede a restauração de mais de 150 milhões de hectares de áreas degradadas até 2020. 

 

Fonte: REDESUL DE NOTÍCIAS 

  • Compartilhe Essa Notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter