Rotary doa equipamentos hospitalares à Casa de Repouso São Francisco Xavier

O Rotary Clube de Laranjeiras entregou ontem (14) equipamentos hospitalares à Casa de Repouso São Francisco Xavier. Através de um

O Rotary Clube de Laranjeiras entregou ontem (14) equipamentos hospitalares à Casa de Repouso São Francisco Xavier. Através de um projeto, o clube do município conseguiu, junto ao Rotary Internacional, uma cama hospitalar, um carrinho de emergência e um kit de oxigênio. O investimento é de R$ 7 mil.

De acordo com o presidente do Rotary de Laranjeiras, Jardiel Cherpinski, o clube teve um dos oito projetos aprovados entre os 30 municípios do distrito 4640. “Estamos felizes por conseguir, mesmo na pandemia, fazer projetos e entregar esses materiais à Casa de Repouso. Não temos a ambição de doar dinheiro. O que foi entregue é resultado de um projeto feito por nós. A contribuição é pequena, mas estamos felizes por trazer esse recurso do Rotary Internacional para Laranjeiras.”

Em março, o Rotary doou à Casa oito cadeiras de roda. O investimento, de R$ 3,5 mil, foi arrecadado através da feira de mudas, promovida anualmente na cidade.

“Nossa ambição é utilizar o trabalho voluntário dos rotarianos. Contamos com pessoas de diversas profissões, homens e mulheres, que doam uma parte de seu tempo a serviços à comunidade”, enfatizou Jardiel.

Velho parceiro

Atualmente, a Casa de Repouso São Francisco Xavier abriga 32 idosos. A presidente, Sueli Adami, argumentou que o Rotary é um parceiro desde a criação da entidade, há 30 anos. “É maravilhosa a colaboração do Rotary. Desde sempre o clube nos ajudou. O pessoal dele nos proporciona – duas vezes ao mês – uma janta para os nossos hóspedes. Agora, com essa pandemia, a doação desses materiais será . Temos muitos idosos. Quero comprar mais camas hospitalares, pois é um objeto muito necessário aqui.”

Decreto

O prefeito Berto Silva divulgou um novo decreto, que passou a valer ontem (14). O município já vinha fazendo a flexibilização. Antes, havia a permissão para o funcionamento do comércio das 5 até às 21 horas. Depois, foi estendido o período de fechamento para as 22 horas. Agora, os estabelecimentos podem ficar abertos até às 23 horas.

Além disso, panificadoras e supermercados poderão trabalhar nos domingos, de acordo com escalas. Estes comércios devem respeitar as medidas de prevenção à Covid-19, que são: distanciamento, álcool em gel, uso de máscara e público de 30% da capacidade total. Os restaurantes e templos religiosos podem abrir com 50% e 25% da capacidade, respectivamente.