Com aumento dos casos de gripe, Tamiflu é muito buscado nas farmácias

Apesar do remédio não exigir prescrição médica, alguns cuidados são necessários antes de realizar a compra

A compra de medicamentos ou produtos de farmácias está em alta, principalmente antigripais, e são responsáveis por grande parte dos gastos dos brasileiros. Desde meados de dezembro de 2021, o medicamento Tamiflu (oseltamivir) tem sido bastante procurado em diversas cidades, incluindo Laranjeiras do Sul. O principal motivo da busca, segundo relatos, é o medo que as pessoas sentem de uma possível infecção por Influenza H2N2, vírus circulante desde o ano passado.

Para o médico Drº Rodrigo Moraes, que atua no Sistema Único de Saúde (SUS) de Laranjeiras do Sul, o Tamiflu foi um dos remédios procurados porque é um antiretroviral frequentemente utilizado em casos de gripe; mas não é efetivo em casos de Covid-19. “Os sintomas das duas doenças são difíceis de distinguir até para um médico. Em muitos casos, as pessoas se medicam acreditando ter uma gripe e depois descobre ser o coronavírus”, ressaltou.

Mônica de Paula, de Laranjeiras do Sul, relatou que mesmo sob prescrição médica, não encontrou o remédio nem mesmo no posto do SUS. “Em todas as farmácias que pesquisei também não obtive sucesso. Alguns lugares encomendavam, com valores próximos a R$ 200. Mesmo tendo sido prescrito, não tomei”.

Alguns cuidados

O infectologista Telmo Garcia explica que a medicação não é indicada para todos os casos de gripe. “Cientificamente, o Tamiflu tem baixa repercussão no controle da gripe. Acaba sendo utilizado em demasia e muitas vezes em momentos errados, o que diminui sua eficácia. É fato que sua administração deve ser voltada para casos de grandes proporções, mas com início em momento adequado para que possa ser mais uma ferramenta de controle”.

Os especialistas defendem que o mais importante de tudo é vacinar e tratar precocemente as complicações da gripe, que na maioria dos casos é o que leva a desfechos desfavoráveis.

“No caso de suspeita, sempre procurar um médico antes de se medicar, até porque,hoje em dia o que preocupa mais é o H2N3 do que a Covid-19, porque, alémdos sintomas serem mais fortes, também está registrando mais internações e mortes pela região”, diz o médico Rodrigo.

Cuidados com relação aos preços

O Tamiflu não requer receita médica, e é tão procurado quanto outros remédios genéricos, então o que fazer na situação atual para comprar medicamentos? Para o presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (ABEFIN), Reinaldo Domingos, mesmo tendo os medicamentos preços tabelados, é possível economizar antes de comprar.

Para auxiliar os consumidores, veja orientações sobre cuidados essenciais na necessidade de compra desses produtos:

  • Prefira genéricos

    Na grande maioria das vezes os medicamentos genéricos são mais em conta, assim a orientação é sempre buscar por essa alternativa nas farmácias e quando o médico for elaborar a prescrição, solicite que coloque o princípio ativo em vez da marca.
  • Pesquise preços

    A maior parte das farmácias fornecem valores pela internet ou mesmo aplicativos e WhatsApp. é interessante pesquisar, pois os preços são realmente muito diferentes.
  • Cuidado com as armadilhas

    Muitas farmácias estão planejadas para levar as pessoas a comprarem mais, principalmente os chamados não medicamentos e medicamentos isentos de prescrição, todo o trajeto em uma farmácia organizada levam à compra de produtos que não são prioritários. Compre somente o necessário.
  • Remédios gratuitos pelo SUS

    É possível retirar gratuitamente alguns medicamentos disponibilizados pelo Ministério Público em Unidade Básica de Saúde (UBS), desde com a receita e o documento de identidade em mãos. Lembrando que no meio da pandemia existem casos de agendamento prévio para retirada de medicamentos e a possiblidade de terceiros retirarem com uma procuração.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail