Chacina familiar deixa cinco mortos em sobrado de luxo em Porto Alegre

Crime ocorreu no bairro Santa Tereza na Zona Sul da capital

Na manhã desta quarta-feira (27), por volta das 7 horas um crime ocorreu em Porto Alegre e chocou a população da capital gaúcha. Uma chacina aconteceu em um sobrado de luxo da cidade, no bairro Santa Tereza, Zona Sul da capital. Pela manhã, corpos de cinco pessoas da mesma família foram encontrados com marcas de tiros na residência.

O autor dos disparos foi identificado como Octávio Driemeyer Júnior, de 44 anos. O criminoso disparou contra sua esposa de 45 anos, seu filho de 14 anos, sua mãe de 79 anos e sua sogra de 81 anos, após o ataque ele tirou a própria vida. A empregada da casa conseguiu escapar pois estava no andar de baixo do sobrado, enquanto as vítimas estavam no andar superior.

A Polícia Militar foi até o local e isolou a área para o trabalho do Instituto-Geral de Perícias (IGP) na coleta de provas. De acordo com a PM as armas usadas no crime são de caça do sogro do atirador.

Leandro Bodóia, delegado platonista atuando no caso afirmou que as mortes ocorreram por volta das 7h30, no horário em que a BM foi acionada pelo zelador e vizinho que ouviram os disparos.

Até o momento não foram divulgadas suspeitas da motivação do crime. Sobre a motivação das execuções, o delegado afirmou que a razão permanece desconhecida.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades

 |   |   |   | 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail