Compra do Twitter pelo homem mais rico do mundo é suspensa por tempo indeterminado

Musk quer confirmar dados publicados recentemente perante perfis falsos e spam

A agência de notícias Reuters aponta em um relatório que menos de 5% dos usuários ativos diários cadastrados no Twitter são falsos e usados para mandar mensagens de spam. Ao saber da informação o bilionário Elon Musk, que oficializou a compra da plataforma em 25 de abril deste ano, decidiu suspender a negociação. Em uma mensagem no Twitter ele disse que o acordo está suspenso até que o cálculo seja comprovado.

A rede social tem 229 milhões de usuários ativos. No máximo 11,3 milhões seriam perfis verdadeiros, segundo o relatório da Reuters que indica ainda que o cálculo é aproximado. Sendo assim o valor pode ser até maior. Musk vai buscar a confirmação desses dados, mesmo que não tenha dito como será feita.

Elon Musk acrescentou horas depois da primeira mensagem que continua comprometido com a compra da rede social, acertada em US$ 44 bilhões.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades

 |   |   |   | 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail