Doação de equipamentos de saúde que auxiliam no combate ao Covid-19

A Cresol Vale das Águas está colaborando no combate ao Coronavírus com a doação de equipamentos de saúde para auxiliar

A Cresol Vale das Águas está colaborando no combate ao Coronavírus com a doação de equipamentos de saúde para auxiliar os hospitais São Lucas e São José, ambos de referência na região, atendendo mais 20 municípios e nesse momento, também às pessoas com Covid-19. Na última quinta-feira (20), o presidente da Cresol Vale das Águas, Sérgio Bukovski, juntamente com o conselheiro administrativo Valmir Tabaldi, o diretor superintendente André Dall Oglio e o diretor administrativo Gilcemar Burei fizeram a entrega da doação dos materiais às entidades.

Ao todo, foram R$ 20 mil em produtos, entre eles estão quatro máscaras VNI, 20 mil luvas e 2 mil máscaras.

De acordo com o presidente da Cresol Vale das Águas, por meio dos conselhos administrativo e fiscal, da diretoria executiva, gerentes e demais colaboradores que se sensibilizaram com o momento de dificuldade é que a doação aconteceu. “Buscamos com essa ajuda auxiliar na recuperação das pessoas contaminadas e também proteger ainda mais os nossos profissionais de saúde, foram doados no momento as máscaras VNI, máscaras convencionais e as luvas descartáveis, tudo isso somando um montante de 20 mil reais. Esperamos estar cooperando com essas duas entidades hospitalares do município polo de Laranjeiras do Sul, que atende todos os pacientes da nossa região. Em nome da Cresol Vale das Águas o nosso reconhecimento a todos os profissionais que estão cuidando da saúde física e também da saúde mental das pessoas”, afirma Sérgio Bukovski.

Doação

Entre os materiais doados, estão quatro máscaras VNI, destinadas a pacientes que não conseguem apresentar melhora com a utilização de um respirador padrão e, com isso, desenvolvem um desconforto respiratório. Com essas máscaras, é possível aumentar os níveis de oxigenação, evitando, em muitos casos, a necessidade de intubação.

De acordo com o médico e presidente do Instituto São José, Paulo Peres, as máscaras VNI são utilizadas no tratamento de pacientes nas enfermarias do hospital. Com uso demasiado destes equipamentos, é necessário a manutenção dos mesmos com frequência. Além disso, os altos custos para manter os hospitais em funcionamento vêm sendo mais uma grande dificuldade imposta pelo cenário atual. “Com a pandemia, os insumos, medicamentos e equipamentos de proteção individual (EPIs) tiveram um aumento absurdo. E nós não temos um acréscimo no repasse do Sistema Único de Saúde (SUS) há mais de 15 anos. Todas as entidades filantrópicas, não só a nossa, estão sofrendo um impacto muito grande pela questão dos custos e medicamentos e materiais de EPIs. Além do aumento de preço, o aumento de consumo desses materiais nos hospitais aumentou muito. Essas doações são muito importantes pois diminuem o nosso gasto com materiais hospitalares. Agradecemos de coração qualquer doação que recebemos de qualquer entidade. Mas isso não é somente para nós, em qualquer hospital, em qualquer cidade que você esteja, todos vão agradecer de coração”, relata o médico.

O diretor do Centro Médico e Hospitalar São Lucas, Fabiano Popia, também reforça a necessidade de doações como esta e os altos custos que a instituição vem tendo para se manter. “Em nome do Centro Médico e Hospitalar São Lucas venho agradecer a Cresol pela atitude em um momento tão difícil. Estamos passando pelo pior momento das nossas vidas, pois trabalhamos com a insegurança. Então queria agradecer a todos os colaboradores do hospital e a Cresol que se mobilizaram para fazer a doação. Esses materiais ajudarão nos custos, já que os gastos são exorbitantes, subiram mais de 180%. Mas, muito mais do que isso, vem mostrar uma atitude cooperativista, de ajuda à comunidade e também deixamos o convite para outras pessoas que queiram doar. Estamos passando pela maior dificuldade financeira e psicológica da história”, afirma o diretor.

Fique atento aos cuidados

A Covid-19 vem deixando tristes marcas na sociedade. E, o médico Paulo Peres alerta para os perigos dessa doença. “Peço que tomem cuidado, pois a Covid-19 não acabou, ela está mais forte e atingindo pessoas saudáveis, nas faixas etárias de 20, 30, 40 ou 50 anos. Não temos mais apenas pessoas com comorbidades dentro dos hospitais, a Covid-19 está atingindo qualquer pessoa e não temos como saber quem vai evoluir bem ou mal. Então eu peço a todos: jovens, magros, obesos, hipertensos, saudáveis, gestantes cuidem-se. Precisamos continuar evitando aglomerações, lavando a mão, passando álcool em gel, utilizando máscara e evitando ambientes fechados por que a situação está grave.

Como cooperativa, é papel da Cresol auxiliar a comunidade em momentos de necessidade, como este em que estamos vivendo. Com estas doações, é possível contribuir não somente com a população de Laranjeiras do Sul, mas também com toda a região que se utiliza dos serviços prestados por estas instituições.