Estudante da UFFS desmitifica o mercado financeiro nas redes sociais

Igor Matheus, de 20 anos, é paulista e mora há três em Laranjeiras. Com 5 mil seguidores no Instagram, faz sucesso ao mostrar os caminhos para que as pessoas invistam o dinheiro e encontrem qualidade de vida

Vivendo em Laranjeiras do Sul há três anos, o paulista Igor Matheus da Silva (20) busca simplificar conceitos complexos do mercado capitalista através das mídias sociais. Filho caçula de país autônomos, o jovem assume ter enfrentado grandes problemas financeiros, causados, especialmente, pela falta de planejamento. “É um erro comum que muitas micro e pequenas empresas cometem, misturando a renda familiar com os negócios. Ou seja, não separam renda de pessoa física (PF) da jurídica (PF)”.

Objetivos

Preocupado com o futuro do lar, Igor, aos 16 anos, se apaixonou pelo mercado financeiro ao enxergar nele um caminho para alcançar melhor qualidade de vida. “Não só a minha, mas de qualquer indivíduo. O ato de poupar possibilita as pessoas oportunidades e uma certa segurança. Os imprevistos podem ser calculados, por isso a importância de se planejar”, comenta.

Em 2018, quando veio morar em Laranjeiras com a namorada, Danielli Cristini, começou a investir, passando pelo Tesouro Direto, os Fundos de Investimentos e Imobiliários, Ações, Criptomoedas, operações especulativas em Day Trade em contrato de Derivativos Índice e Dólar Futuro. Tudo isso visando sempre destinar um objetivo as aplicações, como cursos ou bens. 

Ele explica que, quando fala mais sobre o universo das finanças,  também aprende, o que o motiva a continuar com as publicações. Além do mais, ver o mercado de capitais como uma fonte democrática de crescimento, inspira o estudante a continuar aumentando a acessibilidade das informações para pessoas que não possuem conhecimento na área. 

“O Brasileiro só não investe em ações ou títulos como tesouro direto ou bolsa de valores porque lhes falta conhecimento e não por falta de interesse. E esse conhecimento está cada dia mais disponível através de educadores financeiros e produtores de conteúdo que mostram ao público que investir e se planejar não é algo complicado e nem tão inacessível quanto parece.”

Empreendimento via redes sociais

Igor dedica suas redes sociais para dar dicas sobre finanças e investimentos. No Instagram, por exemplo, onde possui mais de 5 mil seguidores, ele faz publicações frequentes interagindo com seu público a respeito de questões variadas economia.

Pesquisas apontam que mais de um bilhão de pessoas no mundo utilizam as redes sociais. Os brasileiros são a segunda maior população a passar mais tempo na internet. De acordo com o The Next, o número de usuários de mídia social teve um aumento de 9% desde ano passado.

As redes sociais fazem parte da vida das pessoas. Por isso viraram ferramentas de comunicação essenciais para atrair e fidelizar clientes. Pensando nisso,  Igor relata que suas ações via mídias sociais é também o início de um empreendimento, já que, “com a explosão da era digital, pessoas e marcas conseguem converter seus públicos, ainda que baixos, em receita. Seja por venda de produtos ou de espaço publicitário.”

O leitor que deseja acompanhar o trabalho do “influencer econômico” de Laranjeiras pode segui-lo no Instagram – oigormm – e no Twitter – @oigor2m.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *