Osmário Portela, diz que além de pensar em obras é necessário pensar nas pessoas

“Que a partir desse momento, não haja nem vencedores e nem vencidos. Quando políticos não se entendem quem paga a conta é o povo”, diz prefeito reeleito

Em uma cerimônia simples na câmara de vereadores, o prefeito reeleito Osmário Portela, afirmou em seu discurso, que o mandato é uma sequência, pois muitos projetos ainda estão em andamento. “Temos a garantia de novos recursos do governo federal e estadual. Temos também uma parceria com a Itaipú Binacional que já tem 3 anos e é um parceiro muito importante’’.
Portela fala ainda, que a população de Guaraniaçu pode esperar uma gestão voltada ao ser humano. ”Creio que temos que pensar não somente em obras, mas também nas pessoas e nesse contexto como nós fizemos nos últimos 4 anos que encerraram ontem, estaremos dando toda atenção valorizando o ser humano e cuidando dos recursos”. Complementa Osmário.
Ao final do discurso, Osmário lembrou ter sido vereador por 16 anos e presidido a casa por quatro. Depois fez uma observação aos vereadores eleitos. “Não basta falar, não basta apontar o dedo, é importante trabalhar e caminhar juntos. O leitor está a atendo, a câmara municipal de Guaraniaçu teve uma renovação de quase 80%, através do voto direto da população”.
Nesse contexto como chefe do executivo ele pede também faz um pedido. “Que a partir desse momento, não haja nem vencedores e nem vencidos. Quando políticos não se entendem quem paga a conta é o povo”.
Vereadores
Além do prefeito Osmário Portela e do vice-prefeito José Aparecido Gracioso, foram empossados os vereadores:
Carlos Roberto Ferreira (MDB)
Edir de Fátima Queiroz Sandri (MDB)
Euclides Marcelino (PODE)
Gustavo Antônio Moraes de Jesus (DEM)
José Ivolmir de Oliveira (PODE)
Leandro Rigo (PDT)
Marcon de Figueiredo Vollet (PDT)
Olmir Santin (MDB)
Wilson Marcelo Corona (PDT)
Mesa diretora
Foi realizada ainda escolha da Mesa Diretora da Casa de Leis para 2021/2022, tendo chapa única decidido por unanimidade como presidente o vereador Carlos Roberto Ferreira, vice-presidente Gustavo Antônio Moraes de Jesus, primeiro secretário Edir de Fátima Queiroz Sandri, e segundo secretário Euclides Marcelino.
Não foram divulgados ainda o nome dos secretários.