“Não é por acaso que hoje sou a prefeita reeleita para governar e cuidar de Goioxim”

Professora Mari, diz que a reeleição lhe deu responsabilidade redobrada com a população e que seu trabalho será executado com muito mais determinação e sabedoria

Em cerimônia realizada na paróquia do município, a prefeita reeleita Mari Terezinha da Silva (MDB), foi empossada para mais quatro anos à frente do Poder Executivo de Goioxim.
Em seu discurso, Mari afirmou que muito foi feito nesses últimos quatro anos, mas ainda há muito para fazer. “Trabalharei com honradez, perseverança, entusiasmo, para que Goioxim continue em pleno desenvolvimento e progresso e assim as pessoas tenham oportunidades”.
Dirigindo-se aos vereadores, a prefeita diz confiar que o executivo e o legislativo a partir desse momento esqueçam as siglas partidárias que os elegeram. “Assim vamos poder trabalhar por um único partido político, que é Goioxim. Vamos colocar as sandálias da humildade e trabalhar juntos pelos sonhos e ideais da população”.

Sobre a gestão

Sobre o plano de governo, ela diz que foi feito de acordo com a realidade do município. “Vamos lutar a cada dia, para que ele seja executado e cumprido e que isso volte como bem estar da nossa população”.
Mari afirma que a experiência adquirida tem grande valia. “O trabalho será executado com muito mais determinação e sabedoria. Não é por acaso que hoje sou a prefeita reeleita para governar e cuidar de Goioxim”.
Em entrevista ao Correio do Povo, a prefeita fala, que sua reeleição lhe deu responsabilidade redobrada com a população de Goioxim. “Buscarei me fortalecer cada dia mais e vou buscar recursos para aplicar no município para melhor atender a população, tanto no campo quanto na cidade. Vou formalizar cada vez mais parcerias, tanto na esfera estadual como federal, para que assim Goioxim possa crescer e desenvolver como a população merece”, completa Mari.

Vereadores

Além da prefeita reeleita Mari Terezinha da Silva e seu vice Carlos de Souza Pedroso (PL), foram empossados os vereadores:
Everaldo Gutervil (Republicanos)
Marizele Visentin (Republicanos)
Nerso da Barça (PSD)
Rubes Ferreira (PSD)
Valmir Pedroso (PL)
Olino (PL)

Os secretários ainda não foram divulgados.