Apenas 5% dos concorrentes ao executivo são mulheres

Neste ano, apenas Goioxim, Porto Barreiro, Pinhão e Quedas do Iguaçu têm mulheres como candidatas

No decorrer desta semana, o Correio do Povo trouxe vários dados sobre os candidatos às eleições deste ano, tanto no impresso, quanto no site.
Os 20 municípios que fazem parte da região geográfica da Cantuquiriguaçu terão 70 candidatos a prefeito. Pinhão é a cidade que mais têm candidatos, sendo sete ao todo. Quedas do Iguaçu terá seis e Laranjeiras do Sul cinco. Catanduvas por sua vez, terá apenas o atual prefeito concorrendo a reeleição.

Cota de gênero
Mas um outro dado que chama a atenção é a pouca participação das mulheres nas eleições. A Emenda Constitucional nº 97/2017 estabeleceu o fim das coligações partidárias nas eleições deste ano. Com a medida, a luta para garantir mais espaço no cenário eleitoral às mulheres ganhou um novo alento. Isso porque, se antes o cumprimento da cota de gênero de 30% para as candidaturas se aplicava à coligação como um todo, agora ela se aplica a cada partido, individualmente.

Mulheres na corrida
Nas eleições de 2016, a região teve três municípios com candidatas mulheres à prefeita, de um total de 61 concorrentes: Goioxim, Porto Barreiro e Marquinho. Vale ressaltar que Marlene Revers, de Quedas do Iguaçu, entrou na disputa pelo executivo depois.
Neste ano, com 70 candidaturas ao executivo municipal, apenas quatro são de mulheres: Mari Terezinha (Goioxim), Solange Vargas (Porto Barreiro), Letícia Martins (Pinhão) e Marlene Revers (Quedas do Iguaçu).
Já a vice, são sete mulheres no pleito: dona Neuza (Cantagalo), Melri Pinheiro (Diamante do Sul), Simone Duarte (Guaraniaçu), Maria (Marquinho), Clacir Toseti (Porto Barreiro), Professora Edith (Quedas do Iguaçu), Mariane (Reserva do Iguaçu), Jacqueline (Três Barras do Paraná) e Olga (Virmond).
A porcentagem de mulheres é de 5,7% para prefeita e 10% para vice.

 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail