Paraná: Saúde confirma mais 3.139 casos e dois óbitos por dengue

Os dois novos óbitos ocorreram em 21 de maio e 7 de junho de 2022. Trata-se de um homem e uma mulher, com 51 e 85 anos, respectivamente

Segundo dados do boletim epidemiológico nº 48, divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) nesta terça-feira (26), por meio da Coordenadoria Estadual de Vigilância Ambiental, mais 3.139 casos e duas mortes por dengue no Paraná foram confirmadas.

De acordo com o Informe de Arboviroses, que corresponde ao período sazonal da doença iniciado em 1º de agosto de 2021, o Estado soma 76 óbitos, com 129.646 casos confirmados, 11.924 em investigação e 253.260 notificações.

Óbitos

Os óbitos ocorreram em 21 de maio e 7 de junho de 2022. Trata-se de um homem e uma mulher, com 51 e 85 anos, respectivamente. Ambos são moradores de Palotina (Oeste) e tinham comorbidades.

Municípios

Dos 386 municípios com notificações, 358 tiveram casos confirmados e 315 registraram autoctonia, quando a dengue é contraída no município de residência.

O mosquito Aedes aegypti, além da dengue, transmite Zika e Chikungunya. Durante este período não houve casos confirmados de Zika, sendo 105 notificados. Já para Chikungunya foram notificados 459 casos com 33 confirmações e nove casos autóctones.

Laranjeiras do Sul

Em Laranjeiras, em último boletim divulgado, a Secretaria de Estado da Saúde havia confirmado mais dois casos de dengue, totalizando 119 casos notificados e 13 casos confirmados desde o início do período epidemiológico. Dos casos positivos, 8 são importados e 5 tiveram a doença contraída dentro do município. Em virtude deste aumento, o município, por meio da secretaria municipal de Saúde, já vem ampliando as ações para controlar a doença.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades

 |   |   |   | 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail