Afinal, tem problema deixar o celular carregando a noite toda?

Quando o aparelho está conectado e se mantém assim a noite toda, o consumo aumenta, mas não o suficiente para causar preocupações, segundo David Mackay

A situação descrita a seguir é completamente normal para a maioria das pessoas que possuem celular. Para garantir que no dia seguinte tenhamos o dispositivo ao nosso lado ainda “vivo”, é comum deixarmos ele conectado ao carregador a noite toda para repor a energia.

Mas você já parou para pensar no quanto a prática de deixar o smartphone plugado na tomada consome energia?

David MacKay, professor na universidade de Cambridge, Inglaterra, estudou sobre o assunto e responde algumas dúvidas.

O que precisa ser respondido

Além de estudar o reflexo nas finanças da prática de deixar o smartphone plugado a noite toda, o professor MacKay também procurou a resposta de o quanto pode ser prejudicial para o bolso deixar o próprio carregador conectado. Afinal, nem todos tiram da tomada o dispositivo após o celular alcançar os 100% de carga.

Outra preocupação de muitos usuários e que também foi respondida é o impacto do tempo conectado na bateria do smartphone.

Sem rodeios, o professor foi bastante claro em sua conclusão sobre o carregador conectado na parede (sem o smartphone): “Desligar obsessivamente o carregador é como socorrer o Titanic com uma colher de chá. Desligue-o, mas, por favor, tenha ciência de quão pequeno esse gesto é”.

Quando o aparelho está conectado e se mantém assim a noite toda, o consumo aumenta, mas não o suficiente para causar preocupações. Caso ele fique conectado depois de atingir os 100% de carga, o montante gasto ao final de um ano não deve ultrapassar US$ 5,3 (aproximadamente R$ 14).

Salvando o dia

Apesar de deixar o smartphone conectado a noite toda, ainda podemos afirmar que essa não é a solução ideal que concilia sustentabilidade e comodidade.

No entanto, um aspecto que está chegando aos poucos nos dispositivos mais recentes pode representar a salvação para esses casos. O carregamento rápido (USB-C), recurso que já integra boa parte dos aparelhos recém-lançados, promete acabar com as longas horas de espera. Com a promessa de levar a carga de 0 a 50% em poucos minutos, a funcionalidade parece ser a opção para abandonarmos de uma vez por todas a prática de mantermos o celular conectado a noite toda.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail