Banda Municipal Villa Lobos, de Reserva do Iguaçu é reativada após cinco anos

“Hoje vivo da música, graças aos laços que criei junto à Banda quando jovem. É a realização de um sonho”, expressa Odair, que volta à Villa Lobos como maestro

Completando 24 anos de criação e ficando desativada desde 2017, a Banda Municipal Villa Lobos, que mudou a vida de muitos jovens, abriu novamente às portas no mês de março.

Em entrevista exclusiva ao Correio do Povo, o maestro Odair José Nunes da Silva conta sobre a oportunidade de voltar às suas origens e a expectativa da atuação da Banda no âmbito municipal.

Criação

A banda municipal Villa-Lobos de Reserva do Iguaçu foi criada 1998 por meio de um projeto de lei aprovado na Câmara de vereadores. Segundo o maestro,  um projeto foi encaminhado à Fundação Nacional das Artes e por meio deste, o município foi contemplado com os primeiros instrumentos musicais. “Eu lembro que na época foram recebidos 17 instrumentos de sopro e também alguns instrumentos de percussão, tornando possível a criação da primeira turma de músicos”. 

Ao longo dos anos, a Villa Lobos transformou muitas vidas, tanto em âmbito social, onde os jovens interagiam entre si e faziam apresentações, quanto na história de cada um. Conforme Odair, o objetivo principal é o mesmo, transformar o olhar e o cotidiano dos integrantes.

“Eles aprendem a trabalhar em grupo, a cooperar, aprendem valores como respeito, responsabilidade, desempenhando suas atividades com muita ética, aprendendo o que é o civismo e o amor a pátria”. 

Destino

Da mesma forma como a Villa Lobos transformou muitas vidas, a de Odair é um dos destaques, pois com 11 anos, o atual maestro da banda reservense do iguaçu ingressava na vida musical, onde declara  total felicidade e gratidão por retornar às suas origens. “Hoje vivo da música, graças aos laços que criei junto à Banda quando jovem, e é a realização de um sonho. Ao organizar os materiais para os alunos, as lembranças do meu início aqui são fortes e de muita importância. É incrível”.
O maestro relata que por voltar à Villa Lobos, o seu papel será realizado da melhor forma possível. “Tenho a oportunidade de retornar ao município e devolver pelo menos uma parte do que recebi, e darei o meu melhor para realizar o trabalho com excelência”. 

Expectativa

Conforme Odair, o projeto está sendo reativado graças ao prefeito Vitorio Nunes da Silva e a secretária de Educação Maria Teresinha Rodrigues Siqueira, que estão dando apoio total em termos de estrutura, disponibilizando o espaço, quanto na manutenção dos instrumentos que a Banda possui. “Por meio de uma emenda do Governo Federal no valor de R$ 62 mil, conseguiremos novos instrumentos”.
Segundo o maestro, a comunidade acredita no potencial do grupo desde a criação em 1998, e agora com a reativação, a expectativa é agraciar a todos novamente com boas apresentações. “A comunidade voltará a nos ver com outros olhos e esse é o nosso objetivo, demonstrar nosso talento e agradar a todos”.

Finalizando, Odair revela que as vagas estão abertas para a primeira turma foram preenchidas rapidamente e que já existe uma lista de espera. “Agora no momento estamos organizando a casa e preparando o material, para iniciar às aulas no mês de abril com força total”. 

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail