Guaraniaçu: município conta com o programa “Bolsa Família Municipal”

O Programa Bolsa Família Municipal, de Guaraniaçu, foi criado em 2018, já atendeu mais de 600 famílias, por meio da

O Programa Bolsa Família Municipal, de Guaraniaçu, foi criado em 2018, já atendeu mais de 600 famílias, por meio da secretaria de Assistência Social, com a entrega de até R$ 500 em auxílio material de construção.

Entre os anos de 2020/2021, foram realizados mais de 500 cadastros de famílias que buscaram o auxílio material de construção. Os cadastros são repassados para os técnicos do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), que realizam visitas e a partir daí tecem um parecer sobre o enquadramento da família cadastrada no Programa.

Segundo a Lei 1121/2018 que regulamenta o Programa Bolsa Família Municipal, podem solicitar o auxílio material de construção:

– Pessoas que estejam cadastras no CadUnico (cadastro Único); que possuem renda familiar per capita inferior a meio salário-mínimo vigente no País (até R$550);

– Que residam no município, no mínimo há dois anos consecutivos; que não possuam dívida com o município;

– Para famílias que possuírem filhos com idade escolar (de 6 a 14 anos) é obrigatório a matrícula e frequência na escola;

– Deferimento do pedido por Assistente Social e/ou técnico da secretaria municipal de Assistência Social.

O secretário de Assistência Social Jucinei Luis (Piá do Dindo), lembra que, com a pandemia da Covid-19, e devido ao número de solicitações e cadastros do auxílio material de construção e demais serviços do CRAS, as visitas dos técnicos estão demorando um pouco mais que o esperado.

“A procura pelo auxílio material de construção tem crescido nos últimos meses. Em parceria com a equipe do CRAS temos tentado acelerar o processo de visitas com a finalidade de verificação do enquadramento das famílias para concessão do auxílio. O prefeito Osmário Portela preocupado com a celeridade do processo pediu para que na medida do possível possamos acelerar as visitas, pois quem busca o auxílio tem necessidade e urgência no deferimento do pedido”, diz o secretário.

Segundo ele, é compartilhado da mesma preocupação do prefeito Osmário. “Informo que temos o objetivo de atender com qualidade e no menor prazo possível todas as famílias que necessitarem e buscarem todos os serviços da Secretaria”, explicou o secretário.

Cadastros

Os Cadastros são realizados na secretaria de Assistência Social de segunda a sexta das 8 às 11h30 e das 13 às 17 horas. Ao se dirigir para realizar o cadastro é importante primeiro se dirigir ao CRAS e solicitar a folha resumo do CadÚnico (Cadastro Único) e ter em mãos os documentos pessoais (RG e CPF) e comprovante de residência.