Virmond: novo decreto proíbe moradores que não tomaram 2ª dose da vacina a usar transporte público

A nova regra foi publicada em decreto e começa a valer a partir da próxima segunda-feira (06)

Nesta quarta-feira (01) a prefeitura de Virmond, decidiu proibir o acesso ao transporte público para os moradores que ainda não tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19. A nova regra foi publicada em decreto e começa a valer a partir da próxima segunda-feira (06). O prefeito, ao lado do secretário municipal da saúde, Daniel Waczak, informou que a cidade está com vacinas sobrando, e próximas do prazo de validade.

Confira o vídeo publicado no Facebook da prefeitura:

O secretário municipal de saúde disse que até ontem (2), 83% da população estava vacinada com as duas doses. E que 175 pessoas ainda precisavam ser vacinadas.

“Recebemos um quantitativo de 252 doses no dia 1º de dezembro, imunizantes da Pfizer que serão destinados para aplicação de segundas doses, inclusive as atrasadas, doses de reforço e término dos adolescentes de 12 a 17 anos que ainda não compareceram para tomar a primeira dose. As doses da Pfizer tem um prazo de validade de 30 dias após descongelamento, caso o município não use essas vacinas até o dia 20, no máximo fazemos a devolução para a regional para distribuir aos município que estão precisando”, explicou Daniel.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail