Com novo decreto, mudam os horários de atendimento do comércio em Laranjeiras

Em Laranjeiras do Sul, o prefeito Berto Silva divulgou hoje (18) um novo decreto onde prorroga até as 5 horas

Em Laranjeiras do Sul, o prefeito Berto Silva divulgou hoje (18) um novo decreto onde prorroga até as 5 horas do dia 1º de abril de 2021 a vigência dos serviços e atividades essenciais.


O decreto determina também, durante o final de semana compreendido pelos dias 20, 21, 27 e 28 de março de 2021, a suspensão do funcionamento de todos os serviços e atividades, com exceção de captação, tratamento e distribuição de água; produção, distribuição e comercialização de alimentos para uso humano, inclusive na modalidade de entrega delivery e similares, vedado o consumo nos estabelecimentos, entre outros.


Enquanto perdurar os efeitos da pandemia de Covid-19, fica proibido no município, o comércio ambulante de qualquer natureza exercido por comerciantes oriundos de outros municípios. E, além da penalização no âmbito civil e penal, o descumprimento das disposições estabelecidas neste decreto implicará na tipificação dos infratores, sujeitando-os às penalidades de multa e no caso das pessoas jurídicas, cancelamento do alvará de localização e funcionamento.


As denúncias relativas ao descumprimento das restrições determinadas deverão ser feitas através do número de telefone – (42) 3635-4903.


Horários de funcionamento comércio

O comércio em geral atenderá das 8 horas às 18h30 de segunda a sexta-feira. Já, nos sábados, atendendo ao decreto, permanecerão fechados. Exceto supermercados, panificadoras e farmácias.

Flavio Trento, presidente da Acils, ressalta que ainda não é o momento de voltar a uma rotina normal. “Precisamos nos conter, conter a contaminação de pessoas reduzir o impacto tanto na saúde como na economia que o vírus traz. Nos sábados não abriremos, nem trabalho interno”, disse. A medida tem como objetivo garantir que o consumidor possa fazer suas comprar, com tranquilidade e sem aglomeração, minimizando os impactos negativos para a economia local.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail