Escritor Afonso Nilson, de Laranjeiras, distribui livros para alunos da rede pública

Todos os textos que compõe a obra já foram encenados por estudantes e tiveram premiações em mostra de artes cênicas

O escritor radicado em Laranjeiras do Sul Afonso Nilson, através de projeto aprovado pela Lei Aldir Blanc da cidade, irá distribuir gratuitamente exemplares do livro Textos Estranhos e Pós-apocalípticos para instituições educacionais, culturais e artistas.

Composto por três textos teatrais curtos, o livro é adequado para encenação de estudantes. Todos os textos já foram encenados por estudantes e tiveram premiações em mostra de artes cênicas, sendo essa a primeira publicação em livro do conjunto.

O livro terá aproximadamente 60 páginas e contará também com prefácio do autor, que localiza a obra no contexto estético específico de sua escritura. Serão impressos e distribuídos gratuitamente 100 exemplares, destinados para bibliotecas escolares, universitárias e públicas de Laranjeiras do Sul, bem como para artistas e interessados.

Essa distribuição contribui significativamente para ampliar a presença de autores de Laranjeiras do Sul nas bibliotecas locais e difusão da literatura produzida na cidade para os estudantes e interessados na produção artística local.

Favorece também o incentivo à leitura dos estudantes das escolas públicas da cidade através do acesso a livros recentes, e o contato com os escritores locais, além de propiciar que os alunos e alunas tenham mais parâmetros para análises e escolhas das suas leituras, bem como exemplos de profissionalização na área das artes e difusão da cultura local.

O livro será distribuído no início de 2022 para as secretarias de educação municipal e estadual, bem como para o conselho municipal de cultura e artistas locais.

Sobre o autor

Afonso é autor das coletâneas de textos teatrais Pequenos Monólogos para Mulheres (Chiado Editora, 2014) e Seis Textos Breves para Estudantes de Teatro (Letras Contemporâneas, 2017), além do texto teatral para cinco atores Asfixia (2019) e da coletânea de ensaios sobre teatro O ator impuro (2020), ambos pela Editora Proscênio.

Seus textos teatrais já foram encenados por dezenas de grupos profissionais e estudantis no Brasil e em Portugal, bem como adaptados para o cinema. Os textos  teatrais mais recentemente encenados são Menino Pássaro (Cia Trapiá, RN, 2021); Suíte n2 (Mariane Feil Produções, SP, 2021) e A mulher das flores (Edgar Benitez, SP, 2021).

Realiza continuamente oficinas de dramaturgia: Em 2020 e 2021 participou do projeto Dramaturgia: Leituras em Cena, do Sesc/SC, na modalidade escrita teatral, com cursos direcionados para adolescentes.

Doutor em teatro pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), propôs em sua tese um panorama temático da dramaturgia contemporânea brasileira das últimas duas décadas.

Em 2015 recebeu o Prêmio Iberoamericano de ensaios sobre teatro CELCIT.  É membro da International Association of Theatre Critics (IATC), filiada à Unesco.

Quer ficar por dentro das novidades? Então nos acompanhe pelo Facebook | Twitter | YouTube | Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades

 |   |   |   | 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail