Não há frio que não possa ser remediado por um agasalho

A professora Eronice Ribeiro Leandro, com apoio do grêmio estudantil do colégio estadual Gildo Aluisio Schuck e o diretor Elcio

A professora Eronice Ribeiro Leandro, com apoio do grêmio estudantil do colégio estadual Gildo Aluisio Schuck e o diretor Elcio de Bona, estão promovendo uma campanha de arrecadação de agasalhos em Laranjeiras.

O objetivo é ajudar famílias carentes em situação de vulnerabilidade a se aquecer neste inverno. “Serão selecionadas algumas famílias mais carentes, todos os anos faço as doações. A solidariedade na escola é fundamental para a formação integral dos alunos, principalmente no que se refere à formação humana e social, o que cumpre a competência da Base Nacional de Comum Curricular (BNCC) de responsabilidade e cidadania. Por esse motivo estou fazendo parceria com o Grêmio estudantil do colégio”, diz a professora.

Com essa campanha a professora espera ter uma boa arrecadação. “Trabalho em uma escola de bairro, então convivo com famílias de alunos carentes. Fiz a parceria com os estudantes para dar uma ‘sacudida’ neles agora que estão um pouco longe da escola, como são em bastante, cada um faz sua campanha pedindo para a mãe o pai os parentes, assim podem refletir um pouco, e despertar a solidariedade com o próximo”, relata Euronice.

Segundo ela, com essa situação da pandemia, essa ação pode contribuir com o psicológico desses estudantes e assim estimular eles a ter essa parceria e trabalhar em equipe. “É tão difícil encontrar pessoas com esse espírito solidário”.

A campanha tem alguns pontos de coleta como a floricultura Flor do Campo e Marechal Utilidades, na rua Marechal. “Então temos dois pontos de coleta. E caso não possam ir até s pontos de arrecadação, é só pedir, que vou buscar com todo carinho e cuidado”, afirma Eronice.

Paraná

Outra iniciativa foi idealizada pela primeira-dama e presidente do Conselho de Ação Solidária, Luciana Saito Massa, e pela Superintendência Geral de Ação Solidária (SGAS), vinculada à secretaria de Justiça, Família e Trabalho, que busca arrecadar roupas, calçados, cobertores, roupas de cama e outros itens em bom estado de uso para destinar a pessoas em situação de vulnerabilidade social de todas as regiões do Estado.

A secretaria de Justiça, Família e Trabalho é parceira da ação e mobilizou os 24 escritórios regionais da pasta para fortalecer a campanha e reunir o maior número de doações para pessoas que estão sofrendo com as baixas temperaturas.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail