Educação de Pinhão realizará projeto ‘Construindo uma horta na escola’

“Os professores poderão desenvolver projetos sobre alimentação saudável com os alunos, que terão a oportunidade de conhecer melhor os alimentos”, relata a diretora Patricia

A horta é um excelente meio para potencializar o aprendizado do aluno e despertar seu interesse para a alimentação saudável. O contato com a natureza é uma experiência válida para crianças e adolescentes e ao montar uma horta na escola, o ensino e aprendizagem se tornam mais divertidos, além de proporcionar um cardápio nutritivo aos estudantes. Em Pinhão, as secretarias de Educação e Agricultura têm realizado uma parceria a fim de tirar do papel o projeto Construindo uma horta na escola, que foi deixado de lado durante a pandemia.

Em entrevista ao Correio do Povo, a diretora do colégio Água Verde conta sobre o projeto e quais são as expectativas assim que se torne real.

Projeto

Manter uma alimentação saudável é essencial para uma vida de qualidade, principalmente na infância, período de desenvolvimento. Conforme Patricia, o projeto faz parte do Projeto Político Pedagógico (PPP), mas em decorrência da pandemia, ficou desativado. “A escola possui um espaço suficiente para desenvolver a horta, mas precisávamos de incentivo e parceria para colocar em prática”. Segundo ela, foi aí que a secretaria de Agricultura demonstrou interesse em movimentar essa ação.
Patricia conta que o projeto ainda está no início, mas é o primeiro na cidade a ter a iniciativa. “Os professores podem usar a interdisciplinaridade e desenvolver projetos sobre alimentação saudável com os alunos, que terão a oportunidade de conhecer melhor os alimentos e experimentá-los na cozinha ou na merenda escolar, o que os auxiliará na promoção da saúde”.

Visita

Na manhã da terça-feira (23), o secretário de Agricultura e Pecuária, Albino Ricardo Neto, visitou a Escola Municipal Água Verde, a fim de dar incentivo à realização do projeto. Segundo a diretora, ele se propôs a dar o apoio necessário para que tudo se realize o mais rápido possível.

Expectativa

A ideia inicial, segundo a diretora, é promover o contato dos alunos com a natureza. “Acreditamos que com a ajuda da agricultura, possamos ter uma boa produção de legumes e verduras. Em conversa com o secretário, surgiu também a ideia de fazermos um pomar com frutas regionais, além de canteiros onde cada turma será responsável do cuidado junto ao professor”.

Em escolas que não possuem espaço disponível para montar uma horta, Patricia explica que há a possibilidade de construí-la com garrafas pet. Sendo assim, o professor pode trabalhar o conceito de sustentabilidade e colocar o tema para discussão entre os alunos. “Como o nosso terreno é grande, outra ideia foi de inserir pequenos animais como coelhos e galinhas para que as crianças obtenham esse contato, tornando um projeto piloto com a possibilidade de visitação das outras escolas. Haverão muitas novidades”.

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades  Facebook |  Twitter |  YouTube |  Instagram. Também temos nosso grupo de notícias no  Whatsapp, todo dia atualizado com novas matérias.

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail