Sicredi comemora a Semana de Educação Financeira de 23 a 29 de novembro

Mesmo sem a realização presencial das ações nas escolas, as equipes trabalham a temática nas agências com os associados

Não é de hoje que o Sicredi tem a educação financeira como uma temática fundamental. Prova disso são suas participações em edições anteriores da Semana Nacional de Educação Financeira (Semana ENEF), que em 2020 marcará o lançamento do Programa Cooperação na Ponta do Lápis. Neste ano, o evento ocorrerá virtualmente ente os dias 23 e 29 de novembro, com o tema “Resiliência Financeira: Como atravessar a crise?”. 
Números da edição de 2019 da Semana expressam a relevância do Sicredi como participante: a instituição foi responsável por 37% das ações realizadas no Brasil, impactando mais de 4,4 milhões de pessoas em todo o país. Por meio das suas mais de 100 cooperativas de crédito, realizou cerca de 5,5 mil ações em mais de 964 municípios, sendo 73% delas palestras e 22% oficinas, totalizando aproximadamente 7 mil horas de capacitações.
O presidente da Sicredi Grandes Lagos PR/SP, Orlando Muffato, reforça a relevância do tema para o Sicredi, e explica que mesmo sem a realização presencial das ações nas escolas, por exemplo, as equipes trabalham a temática nas agências com os associados. 
“O Sicredi como Instituição Financeira Cooperativa tem colocado a educação financeira sempre como prioridade nas últimas edições. O Banco Central também tem demonstrado esse interesse com relação às instituições financeiras, promovendo essas ações de conscientização”


Dificuldade
Segundo Muffato, esse ano infelizmente as ações se tornam um pouco mais difíceis do que nos anos anteriores, quando eram realizadas dentro das salas de aula, conversando com crianças e adolescentes, principalmente os adolescentes, na conscientização a conduzir bem a vida financeira. 
“O Sicredi nos últimos anos se preparou com isso, preparou os voluntários que são nossos colaboradores que aprenderam também como fazer essas ações e como repassar a esse público”. 
Orlando diz que o Sicredi não esqueceu dessa semana que se dedica à educação financeira e também tem usado dessa prática não apenas nesse momento, mas em outras ações que a cooperativa realiza, sempre buscando orientar não só as crianças mas também os próprios associados. 
“O Sicredi também trabalha no sentido de orientar qual é a melhor opção com relação aos seus investimentos, mesmo assim estamos fazendo dentro daquilo que nos permite estarmos trabalhando e principalmente nessa semana que se dedica a essa conscientização nas comunidades onde atuamos”. 


Incentivo
O presidente lembra que uma boa prática de incentivo aos associados para investir e poupar são as campanhas “Poupar e Ganhar Sem Parar”, que terá o sorteio em dezembro do grande prêmio de R$ 1 milhão, além dos prêmios semanais de R$ 5 mil. Também a campanha “Sorte Premiada”, exclusiva para os associados da cooperativa que irá sortear uma camionete Amarok zero quilômetro e 21 motos até o final do próximo mês. 
“Inclusive falando de Educação Financeira, as campanhas trazem esse cunho de conscientizar nossos associados a estar investindo. São campanhas normalmente que premiam os associados que investem na cooperativa e que realizam seus investimentos”. 
Orlando diz que a campanha interestadual tem uma proposta mais forte com relação a captação em poupança e também traz solidez a para o sistema Sicredi e consequentemente para Grandes Lagos também. 
 

Fique por dentro de todas

Se inscreva e receba as melhores notícias do Correio do Povo direto no seu e-mail